Web Youtuber do Careca TV está curada do câncer e quer dar novo sentido ao canal Curada do câncer, Lorena anuncia novos quadros e o lançamento do segundo livro

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 19/07/2017 12:59 Atualizado em: 19/07/2017 14:58

Lorena falou sobre a história de superação no Encontro com Fátima. Foto: Twitter/Reprodução
Lorena falou sobre a história de superação no Encontro com Fátima. Foto: Twitter/Reprodução


A youtuber Lorena Reginato, que ficou conhecida em todo Brasil ao criar o canal Careca TV, está curada do câncer e anunciou sua volta para o YouTube. A garota diagnosticada com um tumor no cérebro em 2015 foi uma das convidadas do programa Encontro desta quarta-feira (19), onde contou detalhes dos novos quadros para o canal e do lançamento do segundo livro, intitulado O sonho careca

Quer receber notícias sore cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre

O primeiro vídeo de Lorena, que mora em Jaú, interior de São Paulo, foi anunciando o Careca TV e falando sobre o sonho de ser youtuber comoveu o país. Em poucos dias, a garota de 13 anos conseguiu alcançar a marca de mais de um milhão de seguidores. Vários youtubers ajudaram na divulgação do canal. Nos vídeos, ela narrou as dificuldades que viveu durante o tratamento contra um câncer cerebral. Durante as sessões de quimioterapia, Lorena perdeu os cabelos e teve comprometimentos motores. Ainda em processo de reabilitação, Lorena retoma as atividades aos poucos. Ela já voltou para a escola e frequenta sessões de fisioterapia e fonoaudiologia. 

Com quase 1,8 milhão de seguidores no YouTube e 2,1 milhões no Facebook, Lorena dará nova roupagem ao canal. Ela definiu quais serão os novos quadros e vai tratar de temas como música, moda e culinária nos quadros Toca aqui, Qual é seu estilo, Meu diário e Cozinhando com a Careca TV. O lançamento do livro está previsto para o dia 29 de julho.

Acompanhe o Viver no Facebook: 




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.