Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver
TV Selton Mello protagoniza nova série da Netflix sobre corrupção no Brasil Criada por José Padilha, produção iniciou as filmagens e será rodada em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Brasília

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 09/05/2017 14:42 Atualizado em: 09/05/2017 16:39

Selton Mello fará o papel de um delegado aposentado da polícia federal. Foto: Mark Leibowitz/Divulgação
Selton Mello fará o papel de um delegado aposentado da polícia federal. Foto: Mark Leibowitz/Divulgação

O ator Selton Mello vai protagonizar a nova série original da Netflix, O mecanismo, inspirada nas investigações de corrupção em empresas de petróleo e construção, estatais e privadas do Brasil. As filmagens de começaram neste fim de semana. A série terá oito episódios e será rodada em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Brasília. 


Na trama, Selton Mello fará o papel de um delegado aposentado da polícia federal e a atriz Carol Abras será uma agente federal ambiciosa. Este é o segundo projeto da Netflix com Padilha, autor de Narcos, série estrelada por Wagner Moura. A produção marca a estreia de Selton na plataforma de streaming. Antes disso, ele estará de volta ao cinema como diretor de O filme da minha vida, adaptado do livro Um pai de cinema (Antonio Skármeta). A estreia do filme está prevista para agosto. O ator que esteve no elenco de Ligações perigosas, Meu nome não é Johnny e O palhaço, é lembrado por papeis como Chicó de O Auto da Compadecida e Leléu, do filme Lisbela e o prisioneiro.

O mecanismo é escrita por Elena Soarez com colaboração de Sofia Maldonado, e dirigida por José Padilha, Marcos Prado e Felipe Prado. Também estão no elenco Enrique Diaz (Justiça, Felizes para sempre?), Lee Taylor (A pedra do reino; Velho Chico, Riocorrente), Antonio Saboia (O lobo atrás da porta; Fora da lei), Jonathan Haagensen (Cidade de Deus; Noel, Poeta da Vila), Alessandra Colasanti (A verdadeira história da bailarina de vermelho), Leonardo Medeiros (Cabra-cega, Onde quer que você esteja), Otto Jr. (Malhação, O abismo prateado), Susana Ribeiro (O dono do mundo, Meu bem querer), entre outros. A estreia mundial está prevista para 2018 e já tem mais duas temporadas confirmadas. 

Acompanhe o Viver no Facebook:




Manhã na Clube: entrevistas com a deputada estadual Teresa Leitão (PT) e Juliana César
Última Volta: GP da Grã Bretanha de F1 2022
Toalhas de Lula e Bolsonaro movimentam o comércio e dão o tom das eleições
Desemprego cai a 9,8% entre março e maio no Brasil
Grupo Diario de Pernambuco