Literatura Emma Watson esconde 100 livros feministas com dedicatória no metrô Ação é uma campanha para encorajar a leitura da obra

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 02/11/2016 19:47 Atualizado em:

Emma é formada em letras e embaixadora da boa vontade da ONU Mulheres. Foto: Instagram/Reprodução
Emma é formada em letras e embaixadora da boa vontade da ONU Mulheres. Foto: Instagram/Reprodução


A atriz Emma Watson deixou escondeu cerca de 100 exemplares do livro Mom & me & mom, assinado pela norte-americana Maya Angelou, em estações de metrô de Londres, na Inglaterra. Watson é formada em Letras pela Universidade Brown, nos Estados Unidos, e embaixadora da boa vontade da ONU Mulheres.

Alguns deles contêm dedicatórias escritas pela Hermione da saga Harry Potter. Nas notas, ela deseja uma boa leitura e pede para que os descobridores deixem os livros de volta nas estações para que outras pessoas também possam ter acesso ao texto.

Mom & me & mom feminista foi a escolhida de novembro para o clube de leitura Our Shared Shelf, criado por ela no início do ano. A proposta do grupo é sugerir, a cada mês, obras que valorizam os direitos e as conquistas das mulheres na sociedade. As biografias de Carrie Brownstein e Caitlin Moran já foram elencadas.

Em parceria com o projeto Books on the Underground (Livros no Metrô, em tradução livre), cuja principal proposta é deixar exemplares nos locais públicos, ela decidiu compartilhar o livro feminista de Maya Angelou. O Books on the Underground é responsável pela distribuição de cerca de 150 exemplares mensais.


Acompanhe o Viver no Facebook:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.