Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver
Performance Beyoncé faz apresentação surpresa em premiação da música country. Assista Ao lado do grupo Dixie Chicks, cantora apresentou a música 'Daddy lessons', presente em seu último álbum, 'Lemonade'

Por: Estado de Minas

Publicado em: 03/11/2016 15:26 Atualizado em: 03/11/2016 13:16

Diva pop, Beyoncé surpreende público e se apresenta em premiação country. Foto: Twitter/Reprodução
Diva pop, Beyoncé surpreende público e se apresenta em premiação country. Foto: Twitter/Reprodução


Beyoncé fez uma apresentação surpresa na noite de quarta-feira (2), no Country Music Association Awards, ao lado do grupo Dixie Chicks, com uma mensagem implícita sobre as relações raciais nos Estados Unidos. A artista, que não teve sua apresentação na premiação realizada em Nashville anunciada com antecedência, subiu ao palco sem qualquer introdução e cantou a música Daddy lessons, de seu álbum mais recente, Lemonade.

Confira o roteiro de shows no Divirta-se

A presença da superestrela do pop, que em suas últimas aparições públicas expressou apoio ao movimento Black Lives Matters ('As vidas dos negros importam'), que luta contra a brutalidade policial, chamou a atenção porque a música ''country'' está historicamente vinculada à cultura branca do sul dos Estados Unidos. As Dixie Chicks e Beyoncé abriram o show apenas com a palavra "Texas", estado em que as integrantes do grupo e a cantora moram. Beyoncé não fez qualquer comentário à imprensa em Nashville.

Depois da premiação, as Dixie Chicks - que incorporaram a letra de seu sucesso Long time gone na canção - disponibilizaram o download gratuito da colaboração com Beyoncé. A reação das redes sociais foi intensa e, em grande medida, positiva. No início, o CMA Awards superou a sétima partida da World Series do beisebol como trending topic no Twitter. Mas alguns fãs da música country afirmaram que não gostaram da presença de Beyoncé e alguns comentários racistas foram registrados.

As Dixie Chicks conhecem bem os efeitos das críticas. O trio foi amplamente boicotado e integrou a lista negra das rádios de música "country" depois que a líder Natalie Maines criticou em 2003, durante um show em Londres, o então presidente George W. Bush pela invasão no Iraque. Em 2007 o grupo saiu aclamado do Grammy, com o prêmio de melhor álbum do ano (Taking the long way), além de melhor música e melhor gravação (Not ready to make nice).
 
Confira a apresentação:




Acompanhe o Viver no Facebook:


Notícias do dia: Enem só em 2021, Bom Jesus entre as ruas mais belas e gays podem doar sangue
Moro: Lula e Bolsonaro são extremos a serem evitados
08/07 Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Notícias do dia: Bolsonaro doente e sem máscara, futebol vetado e inscrição para testar vacina
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco