Entrevista 'Foi horrível', diz Clarice Falcão sobre experiência na Globo. Assista Atriz e cantora dá detalhes de quando atuou no horário nobre, na novela A Favorita, em 2008

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 06/09/2016 19:36 Atualizado em: 07/09/2016 21:41


A atriz e cantora pernambucana Clarice Falcão, que ganhou destaque nacional no grupo Porta dos Fundos, deu detalhes do  período em que trabalhou na Globo, durante entrevista ao programa Pânico no rádio, nesta terça-feira (6).

Clarice participou do programa para promover o filme Desculpe o transtorno acompanhada do diretor Tomás Portella. Ao comentar a participação na emissora, ela admitiu que não existe glamour, como muitas pessoas imaginam. "Já fiz, e foi horrível para mim. Eu não me acostumei com a forma. Voltava para casa muito infeliz", desabafou. "Para mim não funcionou. Prefiro fazer as minhas coisas mais livres e com amigos, ser autoral".

Clarice atuou no horário nobre, na novela A Favorita, em 2008. Ela interpretou Mariana, filha da personagem da atriz Lília Cabral. Na trama, a personagem dramático, ficava grávida e tinha sido estuprada pelo pai. Ela contracenou com o ator Miguel Rômulo.

Somente em 2012, Clarice passou a fazer parte do elenco fixo do Porta dos Fundos - que se consolidou como um dos canais de humor mais acessados do YouTube. Ela também comentou a decisão de sair do grupo para encarar novos desafios.

A atriz estará nas telonas em breve. Ela é protagonista da comédia romântica Desculpe o transtorno, ao lado de Dani Calabresa e Gregório Duvivier. O longa conta a história de um homem com dupla personalidade que se relaciona com duas mulheres. O filme estreia nos cinemas no dia 15 de setembro.

Assista:






Acompanhe o Viver no Facebook:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.