Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver
Cultura "Brincadeira de Terreiro" promove a valorização da cultura dos maracatus Projeto é realizado pelo Maracatu Águia Formosa em parceria com a Grão Comunicação e Cultura e Maciel Salú

Por: Marcela Assis - Diario de Pernambuco

Publicado em: 27/03/2015 15:00 Atualizado em: 07/04/2015 20:04


O mestre de maracatu Barachinha ministra a oficina de Contação de histórias e estímulo à leitura. Foto: Roberta Guimarães/Reprodução
O mestre de maracatu Barachinha ministra a oficina de Contação de histórias e estímulo à leitura. Foto: Roberta Guimarães/Reprodução

"Queremos fortalecer a cultura que é realizada fora da capital". Com essa afirmação, o mestre de maracatu Maciel Salú resumiu uma das propostas do Brincadeira de Terreiro, projeto que realiza em parceria com a Grão Comunicação e Cultura. Através de oficinas e workshops, a iniciativa abrirá espaço para a troca cultural e o fortalecimento da cultura realizada na Região da Mata Norte de Pernambuco. As atividades, gratuitas e abertas ao público, contam com incentivo do Funcultura. A programação começa neste sábado (28) e segue até o domingo (29), na sede do Maracatu Águia Formosa, em Tracunhaém.

Está prevista a realização de aulas voltadas para o ensinamento da história e costumes do maracatu. São três opções: as oficinas de Confecção de adereços de maracatu, Contação de histórias e estímulo à leitura e o workshop sobre Produção cultural e preservação do patrimônio imaterial. "Muitos pensam que o maracatu é apenas a fantasia típica, mas ele tem crenças e poesia. Vamos abordar isso nas atividades", destaca Salú.

Maciel Salú é um dos realizadores do "Brincadeira de Terreiro". Foto: Xirumba/Reprodução
Maciel Salú é um dos realizadores do "Brincadeira de Terreiro". Foto: Xirumba/Reprodução


No primeiro dia de evento, a oficina de Confecção de adereços de maracatu permitirá um maior contato com as vestimentas e acessórios da manifestação cultural. Técnicas de colagem, bordado e aplicação de enfeites devem ser compartilhadas com os participantes. Eles poderão colocar os conhecimentos adquiridos em prática a partir da elaboração de golas e chapéus de caboclo de lança, entre outros elementos utilizados na caracterização dos integrantes de maracatus.

Os mestres Maciel Salú, Barachinha e Edmilson Honório ministram a oficina de Contação de histórias e estímulo à leitura. O objetivo é permitir o diálogo sobre a cultura popular com pessoas da região e demais interessados.

No domingo, encerrando a programação, o workshop de Produção cultural e preservação do patrimônio imaterial com os produtores culturais Rute Pajeú e Danilo Carias, da Grão Comunicação e Cultura. Entre os temas que serão abordados, estão a elaboração e planejamento de editais de cultura, documentação e os aspectos de finaciamento.  

O presidente do Maracatu Águia Formosa, Edmilson Honório espera receber muitos visitantes durante o evento, já que muitos moradores da região costumam participar das atividades do grupo. "Quando tem oficina e atividades aparecem todos. Qualquer coisa que fazemos, o povo vem participar", comenta.

Programação


Sábado, dia 28

Oficina de confecção de adereços de Maracatu - 9h às 12h e 14h às 17h

Domingo, dia 29

Workshop sobre produção cultural e preservação do patrimônio imaterial - 14h às 16h

Oficina de Contação de histórias e estímulo à leitura com os mestres Maciel Salú, Barachinha e Edmilson Honório - 16h às 19h 

Serviço
Brincadeira de Terreiro
Onde: Sede do Maracatu Águia Formosa (Rua Marechal Castelo Branco, 200 - A, Tracunhaém)
Quando: sábado (28) e domingo (29)
Entrada gratuita



A Justiça está realmente cuidando das crianças no centro de disputas familiares?
Cacique Raoni pede ao presidente dos EUA que ignore Jair Bolsonaro
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 16/04
Carta aberta pede quebra de patentes de vacinas de Covid-19
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco