Diario de Pernambuco
Busca

DP SOCIAL

ONG promove ações para famílias carentes

Instituição atua em comunidades do Recife, com ações de distribuição de alimentos, kits de higiene e atendimento de fisioterapia gratuito, entre outros

Publicado em: 05/06/2024 11:16 | Atualizado em: 05/06/2024 16:20

O leque de ações realizadas estão a entrega de cestas básicas, encaminhamento para retirada de documentos, atendimento de fisioterapia, além de eventos em datas comemorativas (Foto: Divilgação)
O leque de ações realizadas estão a entrega de cestas básicas, encaminhamento para retirada de documentos, atendimento de fisioterapia, além de eventos em datas comemorativas (Foto: Divilgação)
A ONG Grupo Social Cultural Ilumine essa Ideia desenvolve ações desde 2005, com intuito de ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social, buscando transformar a realidade de seu público-alvo. A instituição atua em comunidades do Recife, com ações de distribuição de alimentos, kits de higiene e atendimento de fisioterapia gratuito, entre outros. 

No leque de ações realizadas estão a entrega de cestas básicas, encaminhamento para retirada de documentos, atendimento de fisioterapia, além de eventos em datas comemorativas, como Dia das Mães, Dia das Crianças e Natal. Também são feitas distribuições de sopa e lanches para os atendidos. As atividades acontecem aos sábados, sendo divididas ao longo do mês. A sede da ONG fica localizada na comunidade Ilha de Joaneiro, em Campo Grande e atende famílias das comunidades do bairro de Campo Grande, da própria Ilha de Joaneiro, onde a sede da instituição fica situada, do Chié e de Santo Amaro. 

Voluntária do grupo há sete anos, Rosiane Peixoto, contou que aprendeu na prática o significado da palavra empatia. “O que me chama mais atenção, é o trabalho em equipe, todos os voluntários trabalham com amor, com prazer em ajudar. A maioria dos voluntários moram na comunidade, então o nosso contato é constante, sabemos um pouco de cada situação. Desta forma, o trabalho se torna mais fácil, tentamos ajudar cada um de acordo com as suas necessidades”, contou Rosiane. 

O fundador da ONG, Edvaldo Monteiro, ressalta que devido ao número baixo de doações a instituição enfrenta adversidades para expandir para a criação de mais projetos. “Atualmente, estamos promovendo os atendimentos com o fisioterapeuta, doações de cestas básicas e tentando organizar outras ações. Tínhamos em nossa ONG o projeto de entrega do leite, onde atendíamos 80 famílias, porém o programa foi suspenso. Isso tem causado muita tristeza, pois muitas famílias dependiam desse leite”, explicou. 

É possível ajudar no trabalho da ONG, com doações de cestas básicas, alimentos não perecíveis, produtos de higiene pessoal, entrando em contato pelo (81) 98483-5690. Outra opção é através da contribuição financeira pelo Pix, cuja chave é: 81984835690 - (Edvaldo Ferreira Monteiro).

Se você participa de uma Organização Não Governamental (ONG) ou conhece projeto social e deseja que a história dessa ação seja contada no DP+Social, sugira através do nosso email: social@diariodepernambuco.com.br.

MAIS NOTÍCIAS DO CANAL