Diario de Pernambuco
Busca

Mutirões

Outubro Verde: campanha para combater Sífilis é realizada no Recife

Os mutirões do ''Vamos Testar, Vamos Prevenir'' seguem até o dia 27 deste mês

Publicado em: 06/10/2023 11:33 | Atualizado em: 06/10/2023 11:57

Para incentivar o tratamento e diagnóstico, a Secretaria Municipal da Saúde (Sesau) promove ações gratuitas para a Campanha Outubro Verde (Foto: Divulgação)
Para incentivar o tratamento e diagnóstico, a Secretaria Municipal da Saúde (Sesau) promove ações gratuitas para a Campanha Outubro Verde (Foto: Divulgação)
 
Outubro também é mês de alerta para a conscientização do Dia Nacional de Combate à Sífilis, geralmente comemorado no terceiro sábado do mês. 

Para incentivar o tratamento e diagnóstico, a Secretaria Municipal da Saúde (Sesau) promove ações gratuitas para a Campanha Outubro Verde, durante todo o mês. 

Com início nesta sexta (6), a iniciativa segue até o dia 27, com os mutirões do ‘Vamos Testar, Vamos Prevenir’ em vários pontos do Recife, como Casas de apoio, Academias das Cidades e Igrejas, com atendimentos de forma espontânea.

Além de palestras para informar a população e capacitação para profissionais da saúde, será lançado o PrEPara a Prevenção!, aumentando o acesso à testagem rápida de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) e hepatites virais, oferecendo também a profilaxia pré-exposição ao HIV (PrEP) aos sábados.

Sobre a Sífilis

A Sífilis é uma doença infectocontagiosa causada pela bactéria Treponema pallidum. Apesar de curável, pode levar à morte. 
 
É potencialmente perigosa em gestantes, pois há possibilidade da mãe passar para o bebê, durante o período de gestação ou no parto a chamada Sífilis congênita. 
 
As consequências podem incluir aborto, parto prematuro e retardos no desenvolvimento, com mortalidade de 40% nas crianças infectadas.

''Precisamos incentivar os testes rápidos de ISTs, principalmente na gravidez, e o uso do preservativo como forma de prevenção. Desde 2020, temos investido em estratégias de prevenção, diagnóstico e vigilância para controle da Sífilis, com foco na eliminação da congênita'', afirma o coordenador do Setor da Política de IST, HIV/Aids e Hepatites Virais do Recife, Airles Ribeiro.

Somente este ano, foram 47 ações, com 3.974 pessoas testadas. ''Registramos uma queda de 31,1% de bebês infectados a cada 1.000 nascidos vivos, em 2021, para 24,1% em 2023. E reduzimos a proporção de casos de sífilis congênita nascidos de gestantes com sífilis de 68,2% em 2019, para 43,2% este ano'', ressalta Ribeiro. 

A programação completa do Outubro Verde pode ser conferida na imagem abaixo
Os mutirões do %u2018Vamos Testar, Vamos Prevenir%u2019 estarão em vários pontos do Recife, como Casas de apoio, Academias das Cidades e Igrejas (Foto: Divulgação)
Os mutirões do %u2018Vamos Testar, Vamos Prevenir%u2019 estarão em vários pontos do Recife, como Casas de apoio, Academias das Cidades e Igrejas (Foto: Divulgação)

  •  PrEPara a Prevenção!  
Para alcançar ainda mais pessoas, as testagens para ISTs passam a ser realizadas em sábados alternados, junto a PrEPara a Prevenção! 

iniciativa voltada para quem tem indicação de profilaxia PrEP, novo método de prevenção ao HIV que consiste na tomada de comprimidos antes da relação sexual.
 
Em outubro, será no dia 7, no Serviço de Atenção Especializada (SAE) da Policlínica Lessa de Andrade, e no dia 21, no SAE da Policlínica Gouveia de Barros, na Boa Vista. Sempre das 8h às 15h. 
 
Além do PrEP, os usuários também têm acesso a insumos de prevenção (preservativos e gel lubrificante) e testagem rápida.
 
Em caso de resultado positivo, serão acolhidos na própria unidade para dar segmento ao tratamento. Vale salientar que as ações continuam sendo oferecidas de segunda a sexta, em ambos os SAEs.

  •  Pós-exposição 
A Sesau também disponibiliza a Profilaxia Pós-Exposição (PeP) HIV, que é ofertada em casos de violência sexual, relações sexuais sem camisinha ou em caso de acidente com o uso do preservativo (rompimento ou saída) durante ato sexual, casos de acidentes com materiais perfuro cortantes ou contato direto com material biológico infectado.
 
No Recife, as Policlínicas Barros Lima, em Casa Amarela, Agamenon Magalhães, em Afogados, e Arnaldo Marques, no Ibura, que funcionam 24 horas, oferecem a PeP, que deve ser iniciada preferencialmente nas primeiras duas horas após a exposição, e no máximo em até 72 horas. 

  •  Testagem 
Além do Vamos Testar, Vamos Prevenir, a Sesau oferece prevenção, diagnóstico e tratamento oportuno para ISTs de forma rotineira, de segunda a sexta, em diversas unidades de saúde, além do SAE da Policlínica Gouveia de Barros, das 8h às 16h.
 
No SAE do Ambulatório LGBT Patrícia Gomes, ambos da Policlínica Lessa de Andrade, todas as terças, das 8h às 16h, e às sextas, das 8h às 16h;
 
Das 08h às 16h na Policlínica Albert Sabin; e na Policlínica Salomão Kelner, em Água Fria, às segundas, quartas e sextas, das 8h às 16h.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL