Diario de Pernambuco
Busca

GREVE

Metroviários saem em caravana para Brasília contra privatização

Publicado em: 14/08/2023 19:46 | Atualizado em: 14/08/2023 23:03

 (Foto: Divulgação. )
Foto: Divulgação.
Em greve por tempo indeterminado, o Sindicato dos Metroviários de Pernambuco (Sindmetro-PE) promoveu mais um capítulo contra a privatização do Metrô do Recife. Nesta segunda-feira (14), a categoria se reuniu em assembleia, mais uma vez, para debater os próximos passos. A reunião ocorreu na Praça da Greve, na Estação Central do Recife.

Um grupo de metroviários se mobilizou e saiu em caravana, na noite desta segunda-feira, rumo a Brasília (DF), capital do país, a fim de pressionar o Governo Lula para retirar a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) do Programa Nacional de Desestatização (PND). A categoria ainda quer que, caso a privatização seja efetivada, os metroviários sejam realocados para outros órgãos públicos. 

A previsão é de que o grupo chegue a Brasília na noite da quarta-feira (16). Os metroviários realizarão atos na quinta-feira (17), em frente ao Palácio do Planalto com faixas escritas "Lula, não privatize o metrô do Recife".

Na última quinta-feira (10), ocorreu uma nova rodada de negociações sobre a greve dos metroviários. O sindicato se reuniu com representantes da CBTU, do Ministério Público do Trabalho de Pernambuco (MPT-PE) e do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-6). 

Sem conseguir chegar a um acordo, a categoria decidiu retomar a greve por tempo indeterminado. Os metroviários tinham dado trégua de três dias, e retomado o funcionamento de 100% da frota nos horários de pico enquanto aguardavam as negociações junto ao MPT-PE e propostas oferecidas pela CTBU.

Contudo, a CBTU propôs um reajuste salarial de apenas 3,45%, sem aplicação no Piso. Muito abaixo do exigido pela categoria que seria 15%, e já negociado para 7%. Com isso, desde a sexta-feira (11), as 36 estações do Grande Recife seguem paradas por tempo indeterminado. 
Tags: greve | caravana | metrô | brasília |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL