Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

BOLSA DE ESTUDO

Prefeitura do Recife abre a segunda turma do Embarque Digital com 350 vagas para bolsas de ensino na área de tecnologia

Publicado em: 21/01/2022 15:45

 (Prefeito João Campos anunciou o início imediato das inscrições para os estudantes egressos de escolas públicas. Foto: Rodolfo Loepert/PCR.

)
Prefeito João Campos anunciou o início imediato das inscrições para os estudantes egressos de escolas públicas. Foto: Rodolfo Loepert/PCR.

A Prefeitura do Recife lançou nesta sexta-feira (21), a segunda edição do Embarque Digital, programa desenvolvido em parceria com o Porto Digital, que tem como foco principal a formação de jovens egressos da rede pública na área de tecnologia, melhorando a empregabilidade destes e, consequentemente, impactando a economia do polo tecnológico da cidade. O prefeito do Recife João Campos  fez o lançamento no auditório do Museu do Cais do Sertão, no bairro do Recife. Para o primeiro semestre de 2022 o programa vai disponibilizar 350 novas vagas nos cursos de Sistemas para Internet e Análise e Desenvolvimento de Sistemas - 150 vagas a mais que a primeira edição.

 

 

“A gente abre hoje uma nova seleção do Embarque Digital, são 350 vagas para este primeiro semestre. O Embarque Digital é um grande programa de formação em nível superior na área de tecnologia para os recifenses. Metade das vagas são para pessoas negras ou pardas e a gente consegue em dois anos ter a formação em nível superior e garantir um altíssimo índice de empregabilidade, porque a formação é feita a muitas mãos - a Prefeitura, com o Porto Digital, com as instituições de ensino superior e com as empresas do Porto Digital que dão a residência de formação”, esclareceu João Campos. “Então o estudante vai ter a oportunidade de aprender a teoria e também viver a prática da área de tecnologia. A gente convoca vocês a fazer essa inscrição que já está aberta. Lembrando: só precisa ter feito o Enem nos últimos cinco anos para você se inscrever e concorrer”, acrescentou ele.

 

E o secretário de Educação do Recife, Fred Amancio, lembrou que o Embarque Digital é bom para os jovens, para as suas famílias e para a economia: “O grande objetivo do programa é garantir maior empregabilidade para os nossos jovens, qualificá-los e fortalecer o nosso polo de tecnologia do Recife que hoje tem mais de 1000 vagas abertas aguardando os jovens que tenham essa qualificação. Então essa oferta de cursos é muito importante”.

As inscrições são gratuitas e vão desta sexta-feira (21) até o dia 14 de fevereiro, sendo realizadas exclusivamente pela internet através do site www.portaldaeducacao.recife.pe.gov.br/embarquedigital ou do aplicativo Conecta Recife. Os interessados poderão concorrer às vagas ofertadas em três instituições: Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), Faculdade Senac e Universidade Tiradentes (Unit). Os principais requisitos para participação no Programa Embarque Digital são residir na cidade do Recife; ter cursado todo o ensino médio na rede pública; ter concluído o ensino médio nos últimos 05 (cinco) anos; e ter realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) entre os anos de 2021 e 2017 ou o Sistema Seriado de Avaliação (SSA) entre os anos de 2017 e 2020. É importante ressaltar que os candidatos que também tenham cursado o ensino fundamental em escolas públicas terão prioridade no processo seletivo.

“O lançamento desse segundo processo de seleção para o Embarque Digital representa a consolidação de um programa que já está mudando vidas. Foram 200 estudantes na primeira turma e agora teremos mais 350 que terão a chance de cursar uma graduação em tecnologia e se conectarem ao mercado do futuro, aquecido, com alto grau de empregabilidade. É uma oportunidade para estes jovens modificarem o futuro não só deles, mas de toda a família”, declarou o presidente do Porto Digital Pierre Lucena durante o lançamento.

Para Marcela Valença, superintendente do eixo de Pessoas do Porto Digital, o Embarque Digital de fato muda a vida dos beneficiados: “Transformar vidas é o que move o Embarque Digital. Toda vez que vemos os estudantes empolgados com o programa, interessados nas aulas e, pouco a pouco, descobrindo seus caminhos dentro da tecnologia e da inovação, percebemos que estamos construindo um novo futuro para eles, para suas famílias e também para o Recife. Investir na educação, no conhecimento e nas oportunidades para quem teve tão poucas são fatores primordiais para mudarmos nossa realidade para uma melhor, mais justa e mais diversa”.

 

Em caso de empate entre os candidatos, a coordenação do programa levará em consideração os seguintes pontos: ser mulher; ter concluído o ensino médio em escola pública localizada na cidade do Recife; ter concluído o ensino fundamental em escola pública; e o candidato que tiver a maior idade. A coordenação do Embarque Digital também pontua que 50% das vagas são destinadas para estudantes negros ou pardos. É importante salientar que será interrompido o vínculo com o estudante beneficiário do programa se o mesmo se ausentar injustificadamente em 25% das aulas ministradas no semestre do curso; desligar-se do curso ou da instituição de ensino; trancar injustificadamente o curso por mais de 01 (um) trimestre; e não concluir o curso no prazo máximo de 07 (sete) semestres.

 

Milena Oliveira, 20 anos, estuda Análise e Desenvolvimento de Sistemas na Faculdade Senac pelo Embarque Digital e está feliz com a oportunidade. “Eu sou da primeira turma do Embarque Digital. O curso e a minha turma são muito boas. O programa dá um aparato total com tudo o que a gente precisa para seguir na área de TI - palestras, mentores, tudo. É para todas as pessoas, mesmo quem não sabe, pode aprender tudo do zero”, contou ela.

Ainda segundo ela, tem sido uma experiência positiva estudar numa área onde os homens ainda são maioria: “Eu tinha medo por ser uma área majoritariamente masculina, mas as mulheres precisam ocupar o seu espaço. Tem espaço para todo mundo. O edital inclui as mulheres, o que é importante. Não tem discriminação, todo mundo pode crescer igual”.

Já Francisco Ferraz, 21 anos, estuda Sistemas para a internet na Universidade Católica de Pernambuco e indica o Embarque Digital para os jovens que queiram trabalhar numa área que oferece tantas oportunidades. “O meu curso é muito legal, aprendemos uma nova linguagem, o que me deixa encantado. Estou amando. Depois do curso, quero trabalhar em empresas na área e futuramente quero ter a minha própria empresa, empreender. O programa faz pessoas que não conseguiriam uma vaga antes passarem a ter acesso a faculdades muito boas”, disse ele.

 

Ampliação de vagas
Lançado em setembro de 2021, o Programa Embarque Digital ofertou inicialmente 200 vagas para os cursos de Sistemas para Internet e Análise e Desenvolvimento de Sistemas e contabilizou mais de 1500 inscrições. Com alta aderência dos estudantes selecionados, a iniciativa recebeu no seu primeiro semestre de funcionamento investimentos na ordem de R$ 837 mil reais. Para 2022 serão ofertadas um total de 600 vagas, sendo 350 no primeiro semestre e 250 para o segundo semestre. Com expansão do número de vagas para o primeiro semestre de 2022 e outros incentivos, a gestão municipal estima investir cerca de R$ 2,8 milhões de reais, contemplando as mensalidades e a estruturação dos laboratórios de residência, inclusive com a aquisição de equipamentos de última geração.

 


Compromisso com a cidade
Ao ser classificado para o Embarque Digital, o estudante firma termo de compromisso com a cidade do Recife de permanecer trabalhando em empresas localizadas na capital pernambucana por um período de 02 (dois) anos após o término do curso.

 

 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Para OMS, varíola do macaco ainda pode ser contida
Manhã na Clube: Henrique Queiroz Filho (PP), Edno Melo (Republicanos) e André Morais (CORECON-PE)
Soldado russo condenado à prisão perpétua por matar civil na Ucrânia
Manhã na Clube: entrevista com o Deputado Federal Carlos Veras (PT)
Grupo Diario de Pernambuco