Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

ESTADO DE CALAMIDADE

Decreto de estado de calamidade devido à pandemia é renovado por mais três meses no Recife

Publicado em: 28/12/2021 08:49

Prefeito João Campos anunciou que renovação do decreto possibilita a desburocratização para a eventual contratação de profissionais de saúde em caso de necessidade devido ao crescimento dos indicadores relacionados a casos respiratórios no Recife.

 (Marcos Pastich/PCR)
Prefeito João Campos anunciou que renovação do decreto possibilita a desburocratização para a eventual contratação de profissionais de saúde em caso de necessidade devido ao crescimento dos indicadores relacionados a casos respiratórios no Recife. (Marcos Pastich/PCR)
Em função do crescimento dos casos de síndrome gripal no Recife, provocados pelo vírus Influenza, e das incertezas em relação à nova variante do novo coronavírus, o prefeito João Campos (PSB) se reuniu com a equipe da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), na tarde da segunda-feira (27), e determinou que será renovado por mais três meses o decreto de calamidade pública relacionado à pandemia. O objetivo é garantir o reforço das estruturas de atendimento para que os recifenses que estejam com sintomas gripais possam receber a assistência adequada de forma mais rápida e eficiente.

“Estou acompanhando de perto, os números e os dados da influenza aqui no Recife. Nos últimos dias, nós registramos um crescimento acelerado no número de casos. Este crescimento não repercute, no dia de hoje, em aumento dos casos graves e de óbitos, mas nossa rede segue trabalhando e alerta. Nós temos unidades provisórias covid na Atenção Básica, que fazem a primeira triagem; temos os SPAs da média complexidade; e a gente está publicando, de hoje para amanhã, um decreto que possibilitará um aumento de profissionais de saúde trabalhando nessas unidades para permitir, com maior celeridade e conforto para os recifenses, o acolhimento necessário”, declarou o prefeito João Campos.

Para evitar a sobrecarga nos serviços de pronto atendimento municipais e garantir atendimento de qualidade para todos os pacientes, o gestor municipal reforçou a importância das pessoas com sintomas gripais utilizarem o Atende em Casa:

“Lembrando que o Atende em Casa segue funcionando, então se você tem algum desconforto respiratório pode fazer o contato com o Atende em Casa e receber todas as orientações médicas. Ao longo da semana, a gente vai estar incrementando e trabalhando para oferecer mais serviços na ferramenta. Então, com muita responsabilidade a gente vai seguir trabalhando e comunicando aqui com transparência, e lembrando que todo mundo deve se vacinar tanto para a gripe quanto para a covid, as informações vocês conhecem, os centros estão à disposição para fazer essa vacinação e com responsabilidade a gente vai trabalhando e garantindo saúde para todos”, complementa.

Na terça-feira (21) passada, a Prefeitura do Recife intensificou a vacinação contra a gripe na capital pernambucana com o objetivo de aumentar a proteção dos moradores da capital contra a doença. Para além das 150 salas de vacina que já funcionavam na cidade, os profissionais da Sesau começaram a percorrer diversas comunidades da capital levando a vacina contra influenza, além disso, passaram a ofertar o imunizante também nos postos já montados em cinco shoppings da cidade e nos 22 centros e drive-thrus, que até então funcionavam apenas para vacinação contra covid-19. Nesse período, essa iniciativa proporcionou a aplicação de 25.535 doses de vacina contra a gripe.
TAGS: recife | no | meses | três | mais | por | renovado | é | pandemia | à | devido | calamidade | de | estado | de | decreto |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Ômicron começa a recuar nos Estados Unidos
Manhã na Clube: entrevista com Paulo Pimentel, advogado tributarista e professor da ITS EDU
Segundo a ONU, 2021 foi um dos sete anos mais quentes da História
Manhã na Clube: entrevistas com Leonardo Péricles e Dr. Heitor Albanez
Grupo Diario de Pernambuco