Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

HOMENAGEM

Prefeitura do Recife celebra Dia Mundial em Memória às Vítimas de Trânsito e lembra que o respeito pode salvar vidas

Publicado em: 22/11/2021 17:35

 (Foto: Daniel Tavares/PCR)
Foto: Daniel Tavares/PCR
Para marcar o Dia Mundial em Memória às Vítimas de Sinistros de Trânsito, relembrar as vidas perdidas nas vias locais e homenagear os agentes de trânsito e profissionais de saúde que dedicam seu tempo a cuidar dos munícipes, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Política Urbana e Licenciamento (Sepul) e da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), realizou, nesta segunda-feira (22), um evento na Rua do Bom Jesus. Na ocasião, foi lançado um painel com fotografias ilustrando vítimas de sinistros de trânsito intercaladas com imagens de fraturas de raio-X, que terão impressas histórias desses personagens. O painel contará, também, com o número “109”, em destaque, fazendo relação com a quantidade de vítimas fatais em decorrência de sinistros de trânsito no ano de 2020 na cidade do Recife, trazendo o tema “Há sonhos perdidos por trás dos números”, com a intenção de humanizar as perdas de vidas no trânsito.

O evento, apoiado pela Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global, contou com a presença do secretário de Política Urbana e Licenciamento, Leonardo Bacelar, da presidente da CTTU, Taciana Ferreira, e do coordenador geral do SAMU Recife, Leonardo Gomes, além do coordenador executivo da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária, Gustavo Sales, e de profissionais da área da saúde e agentes de trânsito. Durante a cerimônia, houve a entrega de peças de agradecimento aos agentes de trânsito e socorristas presentes, além da exibição de vídeos que acompanharam a rotina dos profissionais de saúde em ação e que contam a história de pessoas vitimadas por sinistros de trânsito a fim de alertar para os perigos da imprudência ao conduzir. Essa campanha do painel é uma estratégia global que envolve, além das cidades brasileiras de Recife e Salvador, cidades da América Latina como Quito e Guayaquil (Equador), Guadalajara (México), Bogotá e Cali (Colombia), além de outras cidades na África e na Ásia que fazem parte da Iniciativa Bloomberg.

De acordo com os dados do último Relatório Preliminar de Vítimas Fatais do Recife, entre 2015 e 2020, a cidade reduziu em mais de 65% o número de sinistros de trânsito com vítimas fatais. O estudo constatou uma diminuição de 8,5% no número de vítimas fatais entre 2019 e 2020. A redução no número de mortos no trânsito tem sido constante desde 2015. O Recife já mostra avanços importantes em 2021, com fomento à mobilidade ativa - seja de bicicleta ou a pé - e, ainda, mais espaços para o transporte público. O relatório destaca, ainda, o perfil das vítimas: em 81% dos casos são homens, entre 20 e 59 anos (73%). Outro dado que chama atenção é para o alto índice de pedestres (49%) e motociclistas (38%) entre as vítimas fatais de sinistros de trânsito, o que indica a necessidade de respeito dos veículos maiores com os mais frágeis.

Entre as 10 infrações mais cometidas no trânsito de Recife em 2020, estão: transitar em velocidade superior à regulamentada na via (34%), dirigir utilizando o telefone celular (10%), avanço de sinal vermelho ou parada sobre a faixa (5,6%) e, ainda, estacionar sobre calçada ou faixa de pedestres (4,5%). São infrações que colocam diretamente em risco de sinistros de trânsito ou, no caso da velocidade, são capazes também de agravar as lesões em um acidente de trânsito. O secretário de Política Urbana e Licenciamento, Leonardo Bacelar, destaca a importância da responsabilidade compartilhada entre o poder público, por meio de uma gestão com as melhores práticas de mobilidade, e a sociedade civil, com respeito às leis de trânsito, para garantir a segurança viária. “Trazer a realidade da quantidade de mortos por sinistros de trânsito no Recife para a população se conscientizar sobre o respeito aos mais frágeis é essencial na política de mobilidade. Por isso, trouxemos para a rua esse problema, que já tem diminuído com as políticas públicas adequadas na gestão de trânsito, mas precisamos avançar ainda mais e só conseguimos fazer isso por meio da responsabilidade compartilhada com a população”, destaca o gestor.

“É importante que o Recife, pelo segundo ano consecutivo, marque a data do Dia Mundial em Memória às Vítimas de Trânsito no seu calendário e faça um evento para chamar atenção para esse problema que existe a nível mundial, mas que a cidade está colocando uma atenção especial nessa temática, além de agradecer o esforço contínuo dos serviços de emergência e da tarefa preventiva dos agentes de trânsito”, destaca o coordenador executivo da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global, Gustavo Sales.

O Dia Mundial em Memória às Vítimas de Sinistros de Trânsito (WDR na sigla em inglês) é celebrado no terceiro domingo de novembro há 25 anos. Desde 2005 o Dia Mundial foi adotado pela Assembleia Geral da ONU como “o reconhecimento apropriado para as vítimas de sinistros de trânsito e suas famílias”. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS) os sinistros de trânsito são a 8ª causa de morte para pessoas de todas as idades e a 1ª causa de morte de crianças e adultos jovens de 5 a 29 anos de idade. Todos os anos morrem 1,35 milhão de pessoas devido a lesões causadas pelo trânsito rodoviário no mundo. Isso significa uma morte a cada 23 segundos.

Sobre Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global
A Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global (BIGRS) trabalha com as principais organizações mundiais de segurança viária para implementar atividades de segurança no trânsito e coordenar com atores governamentais e não governamentais do país. A BIGRS enfatiza a busca por resultados e o uso de mecanismos de monitoramento e avaliação de alta qualidade para avaliar continuamente o progresso. Para mais informações, visite: https://www.bloomberg.org/program/public-health/road-safety/ (em inglês).
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT/PE), Almir Mattias e Renata Berenguer
Laboratório anuncia teste para diferenciar o coronavírus da gripe A e B
Manhã na Clube: entrevistas com Alberto Feitosa (PSC), Márcia Horowitz e Andreia Rodrigues
Justiça por Beatriz: pais organizam peregrinação de 720 km para cobrar solução de assassinato
Grupo Diario de Pernambuco