Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

RECÉM-CHEGADOS

Onze novos animais chegam ao Parque Dois Irmãos, na Zona Norte do Recife

Publicado em: 03/09/2021 17:00

 (Foto: Lu Rocha/Semas)
Foto: Lu Rocha/Semas
O Parque Estadual de Dois Irmãos, localizado na Zona Norte do Recife, está com novos moradores. A instituição recebeu 11 novos animais em suas dependências, sendo quatro tucanos (Ramphastidae), dois tamanduás-mirins (Tamandua tetradactyla), três furões (Mustela putorius furo) e dois quatis (Nasua nasua). Os animais são nativos dos biomas Mata Atlântica e Caatinga e chegaram do Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) de Salvador, na Bahia. 

De acordo com a instituição, a chegada dos novos animais dá continuidade ao novo Plano Diretor do Zoológico, "que foca na preservação da biodiversidade local, visando desempenhar um papel estratégico na proteção e preservação da fauna nativa dos biomas da Mata Atlântica e Caatinga, além das zonas de transição da Mata Atlântica".

Segundo o gerente técnico de Manejo de Fauna do parque, o veterinário Márcio Silva, os animais são todos filhotes. O veterinário explicou ainda que os animais não possuem condições de soltura na natureza, pois foram criados em cativeiro desde cedo, e se acostumaram com a presença e a manipulação feita por humanos. Segundo ele, o casal de quatis, por exemplo, foi resgatada de um criadouro ilegal, e também não têm condições de retorno à vida livre.

"Os animais estão em procedimento de quarentena, num local provisório para repouso, e a expectativa é de que, no mínimo quinze dias, a maioria deles já esteja liberada para os recintos. Provavelmente um dos furões, a fêmea, precisará de mais algum tempo de quarentena, por ser recém-nascida e ainda ser muito dependente dos cuidados da equipe técnica do Parque", enfatizou Silva.

Consulta pública

Segue até o dia 2 de outubro a consulta pública sobre a concessão do Parque Estadual de Dois Irmãos, apresentada pelo Governo de Pernambuco e o BNDES, e que pretende repassar as atribuições de alguns espaços do parque à iniciativa privada. A população pode contribuir com a consulta pública tanto por formulário eletrônico (https://bit.ly/consultapublicapedi), como através de audiência pública digital prevista para o dia 22 de setembro, via as plataformas Zoom e YouTube. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Combate à gordofobia vira lei no Recife
Medicamento contra Covid-19 é recomendado pela OMS
Manhã na Clube: José Queiroz (PDT), Kleiton Boschi, Clarissa de França e Cristina Pires
Skate feminino decola no Brasil após Olimpíadas
Grupo Diario de Pernambuco