Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

IMUNIZAÇÃO

Cabo anuncia início da vacinação contra Covid-19 em pessoas com 57 anos ou mais

Publicado em: 03/06/2021 15:35 | Atualizado em: 03/06/2021 16:00

 (Foto: Leo Domingos / PMCSA)
Foto: Leo Domingos / PMCSA
O Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, anunciou a ampliação do Plano de Imunização contra a Covid-19. O município divulgou que, a partir desta sexta-feira (4), pessoas com 57 anos ou mais começarão a ser vacinadas contra o novo coronavírus na cidade.

Conforme o município, os pontos de vacinação das escolas Manoel Davi Vieira da Costa em Ponte dos Carvalhos, a Professora Maria Thamar Leite da Fonseca, em Enseada, a Padre Antônio Melo Costa, na Charneca e a Prefeito Eronides Francisco Soares, em Pontezinha, estarão abertos para imunizar o novo grupo.

Em todas as unidades haverá equipes de Saúde aplicando as doses, além do Centro de Vacinação Covid-19, na Praça Nove de Julho, que funciona de segunda a sábado, das 8h às 13h. Para receber a vacina, a população deve levar documento com foto, tipo RG, além de CPF, comprovante de residência e o cartão do SUS.

De acordo com o município, foram aplicadas 34.563 primeiras doses na população e outras 14.870 segundas doses, totalizando 49.433 aplicações das três vacinas disponíveis, Coronavac, AstraZeneca e Pfizer.

Profissionais da educação

O município disse que continua a vacinação dos profissionais da educação, desta vez vacinando os trabalhadores das escolas privadas. No sábado (5) serão imunizados aqueles profissionais faltosos, que perderam o dia da vacinação, segundo a prefeitura.

"É necessário que as instituições de ensino enviem a lista de profissionais de suas unidades para a Secretaria de Educação. Apenas os trabalhadores que tiverem o nome na lista serão vacinados. Na rede privada, apenas os profissionais das instituições reconhecidas pelo Conselho Municipal de Educação poderão ser vacinados". Ainda de acordo com o Cabo, é necessário que a escola entre em contato com o Conselho para enviar a relação dos profissionais.

"Apenas o pessoal da ativa será vacinado. Quem está em licença médica, licença prêmio, professores cedidos ou é aposentado não entra nessa fila de prioridade. Para receber o imunizante, o profissional precisa levar ao local de vacinação o seu documento de identidade, CPF, cartão do SUS e o contracheque", concluiu o município, em nota. 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Diabetes: saiba como evitar e controlar antes que seja tarde
Manhã na Clube: entrevistas com Túlio Gadêlha, Beatriz Paulinelli e Guilherme Maia
Advogado de enfermeira afirma que Maradona foi morto
Manhã na Clube: entrevistas com Décio Padilha, Adriana Barros e Roseana Diniz
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco