Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

PRESO

Suspeito de assassinar Patrícia Roberta é preso na Paraíba

Publicado em: 28/04/2021 07:28 | Atualizado em: 28/04/2021 11:47

 (Foto: Polícia Civil Paraíba/Divulgação )
Foto: Polícia Civil Paraíba/Divulgação

Jonathan Henrique Santos, de 23 anos, suspeito de matar Patrícia Roberta, foi preso no final da noite desta terça-feira (27). O jovem foi encontrado na casa de um amigo no bairro de Mangabeira II, onde também foi localizada a moto em que ele teria usado para transportar o corpo de Patrícia.

O corpo de Patrícia Roberta, de 22 anos, moradora de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, desaparecida desde o domingo (25), foi encontrado em uma mata, em João Pessoa, no conjunto Novo Geisel na terça-feira (27). De acordo com a perita criminal Amanda Melo, o corpo já estava em decomposição quando foi levado para a mata. A pernambucana viajou para João Pessoa na sexta-feira (23) e se hospedou no apartamento do amigo, que fica no bairro de Gramame.

O paraibano publicou em uma rede social a informação de que estava sem WhatsApp, e que ficou sabendo que Patrícia não havia retornado para Caruaru. Jonathan informou que se colocaria à disposição para ajudar nas investigações.  

 (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Foto: Reprodução/Redes Sociais


Durante as investigações da Polícia Civil e Militar, pertences de Patrícia foram encontrados em um depósito de lixo em frente ao conjunto habitacional onde Jonathan vivia. 

Segundo a mãe da vítima, Patrícia e Jonathan se conheceram em Caruaru há mais de 10 anos. O jovem teria visitado a família duas vezes no município do Agreste Pernambucano e, segundo ela, não teria agradado os parentes.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Cuba inicia vacinação contra a Covid-19 com imunizante próprio
Datafolha: Lula venceria Bolsonaro nas eleições de 2022
Manhã na Clube - Entrevista com Humberto Costa e Thiago do Vale da Apac
Air France e Airbus serão julgadas pelo voo 447 Rio-Paris
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco