Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

IMUNIZAÇÃO

Petrolina suspende temporariamente aplicação da segunda dose da CoronaVac

Publicado em: 27/04/2021 13:06 | Atualizado em: 27/04/2021 13:14

 (Foto: Instituto Butantan/Divulgação)
Foto: Instituto Butantan/Divulgação


Após Pernambuco receber um quantitativo de vacinas muito abaixo do esperado na remessa enviada pelo Ministério da Saúde (MS), a Secretaria de Saúde de Petrolina informou que a aplicação da segunda dose da vacina CoronaVac está suspensa temporariamente. De acordo com a secretaria de saúde de Petrolina, Pernambuco esperava receber 120 mil doses, porém, chegaram apenas 28 mil para a distribuição entre todas as cidades do estado. “Esse número é insuficiente para atender a demanda dos idosos com aprazamento da segunda dose para os últimos dias”, informou em nota.

Contudo, a secretaria do município tranquiliza os munícipes destacando que a população de idosos será convocada assim que as doses chegarem em Petrolina para que sejam imunizados por completo. Na tarde da segunda-feira (26), Perolina  finalizou a vacinação na Zona Rural.

Confira trecho da nota divulgada pela Secretaria de Saúde de Petrolina

Vale ressaltar que todo o Brasil passa por dificuldades em relação à vacinação, assim como em diversas partes do mundo. O atraso na aplicação da segunda dose da Coronavac está acontecendo não apenas em Petrolina, mas em muitos municípios e estados do país. Desde março, o Ministério da Saúde recomendou que a segunda dose deixasse de ser reservada, já que novas remessas seriam fornecidas. Entretanto, um imprevisto com o fornecimento do IFA - matéria-prima necessária para a produção das vacinas, que vem da China - acabou atrasando a fabricação das doses, paralisando a produção no Instituto Butantan por 10 dias. Isso, infelizmente, causou um efeito em cadeia no fornecimento, na aplicação e no cumprimento do calendário inicialmente previsto. Mesmo com a produção retomada, as consequências deste atraso ainda serão vistas nos próximos dias, o que só será normalizado com a chegada de novas doses da vacina. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Cuba inicia vacinação contra a Covid-19 com imunizante próprio
Datafolha: Lula venceria Bolsonaro nas eleições de 2022
Manhã na Clube - Entrevista com Humberto Costa e Thiago do Vale da Apac
Air France e Airbus serão julgadas pelo voo 447 Rio-Paris
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco