Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

PANDEMIA

Noronha vacina profissionais de segurança pública contra a Covid-19

Publicado em: 16/04/2021 14:32

 (Karol Vieira/Assessoria de Imprensa de Fernando de Noronha)
Karol Vieira/Assessoria de Imprensa de Fernando de Noronha
Fernando de Noronha, arquipélago de Pernambuco, deu início nesta sexta-feira (16), a vacinação contra a Covid-19 em policiais civis, militares e bombeiros que estão atuando na fiscalização das medidas sanitárias na ilha. A aplicação das doses ocorreu no comando da Polícia Militar, na Vila do Trinta, e no comando do Corpo de Bombeiros, na Vila do DPV. A segunda dose das vacinas está programada para daqui a 28 dias.

“As forças de segurança e salvamento estão na linha de frente. Tanto os policiais que fazem investigação, quando pedimos apoio em alguma ocorrência, quanto os bombeiros que realizam atendimentos pré-hospitalares, precisam ficar imunizados contra essa doença. Por isso e fundamental imunizar esse grupo prioritário”, explicou a gestora de Atenção Básica de Fernando de Noronha, Daniela Costa.

Os profissionais de segurança pública, que receberam a vacina Coronavac, do Instituto Butantan, são responsáveis pelo atendimento às ocorrências relacionadas aos descumprimentos do decreto de restrições de atividades e serviços no arquipélago.

A imunização foi motivo de comemoração para todos os que receberam as primeiras doses. O tenente do Corpo de Bombeiros, André Badin, ressaltou o trabalho feito pela corporação. “O Corpo de Bombeiros atua em todas as áreas de emergência. Seja em salvamento aquático, urbano, atendimento pré-hospitalar e incêndios. Ou seja, a gente tem um trato direto com todos os cidadãos, todo o fluxo turístico que entra e sai do arquipélago. Então, é muito importante a nossa corporação tomar a vacina, porque atuamos diretamente nessas ações necessárias em Noronha”.

O soldado Paulo Rocha, que tem nove anos na corporação, se sentiu aliviado em receber a vacina. “Eu me sinto realizado por ter recebido a primeira dose e vou ficar mais satisfeito ainda quando eu tomar a segunda”.

Com o mesmo sentimento de felicidade, o cabo Ademilson Pereira destacou o trabalho que as forças de segurança realizam na ilha. “Desde o início da pandemia que a Polícia Militar vem trabalhando na fiscalização, atuando nas aglomerações, para conscientizar as pessoas no aspecto do distanciamento social e acabando com aglomerações”, disse.

De acordo com a gestão da Atenção Básica local, mesmo com as primeiras doses da vacina, no entanto, é necessário a manutenção de todas as medidas sanitárias, como uso de máscara, distanciamento social e higienização das mãos. “Além desse grupo prioritário formado por policiais civis, militares e bombeiros, Noronha já vacinou todos os profissionais de saúde, idosos e pessoas com comorbidades”, informou.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Cuba inicia vacinação contra a Covid-19 com imunizante próprio
Datafolha: Lula venceria Bolsonaro nas eleições de 2022
Manhã na Clube - Entrevista com Humberto Costa e Thiago do Vale da Apac
Air France e Airbus serão julgadas pelo voo 447 Rio-Paris
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco