Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

NOVA ROTA

Recife começa, nesta quinta, implantação de 2 km de ciclofaixa na rua Amélia

Publicado em: 24/03/2021 13:39

 (Foto: Andréa Rêgo Barros/Divulgação)
Foto: Andréa Rêgo Barros/Divulgação
A Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Política Urbana e Licenciamento (Sepul) e da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), vai dar início, nesta quinta-feira (25), à implantação da Ciclofaixa Amélia, localizada na rua Amélia, no bairro das Graças, Zona Norte da cidade. De acordo com o município, o equipamento terá 2 km de extensão e, com isso, a Capital pernambucana vai passar a ter 150 km de ciclofaixa ao todo. A estimativa é de que a nova ciclofaixa beneficie pelo menos 1.100 ciclistas.

 (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação

A nova rota ciclável vai passar pelas ruas da Hora, Esmeraldino Bandeira, Antônio Novais e Alberto Paiva, além da rua Amélia, que dá o nome ao equipamento. Segundo a prefeitura, a rota fará conexão com a segunda etapa da Rota Graça Araújo - que passa pelas ruas Buenos Aires, Leopoldo Lins, Alvares de Azevedo até a ciclovia Graça Araújo -, somando 63 km interligados entre a Zona Norte e o Centro. Ao todo, segundo a prefeitura, Recife conta com 6 km de ciclofaixa implantados nos primeiros meses de 2021. A meta, no entanto, é chegar aos 100 km implantados até 2024.

"Queremos olhar a cidade e estar mais perto das pessoas, isso é urgente e as nossas equipes têm trabalhado com afinco nesse sentido", disse a presidente da CTTU, Taciana Ferreira. A estimativa, de acordo com os dados da pesquisa de origem e destino, é de que a Ciclofaixa Amélia beneficie pelo menos 1.100 ciclistas que passam diariamente na própria rua Amélia e nas proximidades da avenida Rui Barbosa.

"O número é considerado alto, principalmente porque, com a implantação do equipamento, o número de ciclistas tende a aumentar. Além disso, com a construção do Parque das Graças, a ciclofaixa será um acesso importante a esse novo ponto de interesse público", destacou o município, em nota.

Números

Segundo a prefeitura, Recife apresentou um aumento de mais de 500% da malha cicloviária, desde 2013. "Permite que as ruas estejam mais seguras, não apenas para os ciclistas, mas para todos os que fazem o trânsito, já que a sinalização das rotas cicláveis trazem, também, mais travessias para pedestres e adequação da velocidade máxima permitida na via. A Rua da Aurora, por exemplo, registrou uma diminuição de 60% nos sinistros de trânsito antes e depois da implantação da ciclofaixa. Já a Avenida Maurício de Nassau, uma média de 30% a menos", concluiu.




TAGS: norte | zona | amélia | rua | ciclofaixa | recife |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Vacinas da Johnson & Johnson sob investigação por risco de trombose
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 13/04
De 1 a 5: dicas de decoração para repaginar a casa de forma simples e sem gastar muito
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 12/04
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco