Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

OPERAÇÃO INFILTRADOS

Polícia prende comerciante responsável por planejar sequestros em Igarassu

Publicado em: 31/03/2021 12:41 | Atualizado em: 31/03/2021 12:52

Na imagem está o delegado Eduardo Pereira, adjunto do GOE; e o delegado Paulo Berenguer, titular do GOE.
Na terça-feira (30), a  Polícia Civil de Pernambuco desencadeou a operação "Infiltrados", que têm o objetivo de identificar e desarticular integrantes de uma organização criminosa voltada, segundo a polícia, à prática de crimes como extorsão, associação criminosa, extorsão mediante sequestro, roubo e tráfico de drogas no município de Igarassu, localizado no Grande Recife. De acordo com a polícia, um comerciante de Igarassu chefiava os sequestros e identificava as potenciais vítimas entre os comerciantes da localidade. 

Nesta 19ª Operação de Repressão Qualificada do ano, foi identificado que os investigados na operação praticaram, no início do ano, dois crimes de extorsão após a realização de um sequestro, no município de Igarassu, localizado no Grande Recife. O líder da organização criminosa, que é comerciante no centro de Igarassu, observava os demais comerciantes da localidade, identificando potenciais vítimas, verificando suas vulnerabilidades, bem como identificava os familiares que poderiam realizar o pagamento do resgate. A partir dessas informações, o criminoso planejava os sequestros. 
 
Ao falar sobre o chefe da quadrilha, que era um comerciante da localidade e sequestrava colegas de profissão, o delegado Paulo Berenguer afirmou que a equipe não se surpreende mais com as ações dos criminosos. "O fato é uma covardia muito grande, até porque ele tem conhecimento da rotina daquelas pessoas que ele presta serviços, inclusive, são colegas, comerciantes da região. A investigação foi bastante eficiente e conseguiu evitar que outras extorsões mediante a sequestros acontecessem na cidade de Igarassu", declarou o delegado Paulo Berenguer. 
 
A investigação foi iniciada em janeiro de 2021, sob a coordenação do delegado Eduardo Henrique Pereira, integrante do Grupo de Operações Especiais (GOE), e do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Dracco). De acordo com PCPE, estão sendo cumpridos nesta terça cinco mandados de prisão e 11 mandados de busca e apreensão domiciliar, expedidos pela Vara Criminal da Comarca de Igarassu, no Grande Recife.


A execução da operação, vinculada à Diretoria Integrada Especializada (Diresp), contou com a atuação de 65 policiais civis. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Chico Kiko, Diego Pascaretta e Rômulo Saraiva
Domitila, artivista e recifense que está entre as selecionadas do Miss Alemanha 2021
Terceira dose de vacina anticovid começa a ser aplicada em Israel para aumentar imunidade
Manhã na Clube: entrevistas com coronel Luiz Meira (PTB), Regina Sales e Maria Dulce
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco