Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

COVID-19

Pernambuco abre 20 leitos de UTI e registra 2.738 casos de coronavírus

Publicado em: 24/03/2021 19:30 | Atualizado em: 24/03/2021 20:04

 (Foto: Hélia Scheppa/SEI)
Foto: Hélia Scheppa/SEI
A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta quarta-feira (24), 2.738 casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 133 (5%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 2.605 (95%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 336.236 casos confirmados da doença, sendo 34.969 graves e 301.267 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Além disso, o boletim registra um total de 286.781 pacientes recuperados da doença. Destes, 20.595 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 266.186 eram casos leves.

Também foram confirmados laboratorialmente 45 novos óbitos (29 masculinos e 16 femininos), ocorridos entre os dias 16/02/2021 e 23/03/2021. As novas mortes são de pessoas residentes dos municípios de Araçoiaba (1), Betânia (1), Brejo da Madre de Deus (2), Cabo de Santo Agostinho (1), Camaragibe (1), Garanhuns (1), Gravatá (1), Ipubi (1), Jaboatão dos Guararapes (2), Jataúba (1), Lagora do Carro (1), Macaparana (1), Moreno (1), Olinda (5), Paudalho (3), Paulista (3), Petrolina (2), Recife (7), Salgueiro (1), São José da Coroa Grande (1), São Lourenço da Mata (1), Serra Talhada (4), Tracunhaém (1), Vertentes (1) e Vicência (1). Com isso, o Estado totaliza 11.807 mortes pela doença.

Os pacientes tinham idades entre 34 e 92 anos. As faixas etárias são: 30 a 39 (5), 40 a 49 (1), 50 a 59 (7), 60 a 69 (13), 70 a 79 (12) e 80 ou mais (7). Do total, 34 tinham doenças pré-existentes: diabetes (17), doença cardiovascular (14), hipertensão (11), tabagismo/histórico de tabagismo (8), obesidade (4), doença renal (3), histórico de AVC (2), câncer (2), imunossupressão (3), doença de Alzheimer (1), doença hematológica (1), doença hepática (1), doença respiratória (1), doença urológica (1) e histórico de etilismo (1) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais seguem em investigação.

Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 27.453 casos foram confirmados e 46.799 descartados. As testagens entre os trabalhadores do setor abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada. O Governo de Pernambuco foi o primeiro do país a criar um protocolo para testar e afastar os profissionais da área da saúde com sintomas gripais. O boletim de hoje também traz, em sua parte final, o detalhamento da testagem destes profissionais.

Balanço da vacinação

Pernambuco já aplicou 789.266 doses da vacina contra a Covid-19, das quais 593.985 foram primeiras doses. Ao todo, foram feitas a primeira dose em 195.210 trabalhadores de saúde; 24.466 povos indígenas aldeados; 704 em comunidades quilombolas; 6.097 idosos em Instituições de Longa Permanência; 6.996 idosos de 64 a 69 anos; 186.543 idosos de 70 a 79 anos; 89.276 idosos de 80 a 84 anos; 83.813 idosos a partir de 85 anos; além de 880 pessoas com deficiência institucionalizadas.

Em relação à segunda dose, já foram beneficiados 144.872 trabalhadores de saúde; 23.230 povos indígenas aldeados; 4.337 idosos institucionalizados; 957 idosos de 70 a 79 anos; 19.267 idosos de 80 a 84 anos; 1.995 idosos a partir de 85 anos e 623 pessoas com deficiência institucionalizadas; totalizando 195.281 pessoas que já finalizaram o esquema.

Agulhas e seringas

O governador Paulo Câmara anunciou, durante pronunciamento nesta quarta-feira (24.03), o início da distribuição de mais de 1,5 milhão de agulhas e seringas aos municípios pernambucanos, para que possam dar prosseguimento à imunização da população. Com esse novo lote, já são três milhões de insumos desse tipo enviados às prefeituras. Ele destacou que a ação está sendo possível porque o Estado entende a importância desses materiais para a vacinação, essencial no enfrentamento ao novo coronavírus. Por isso, se programou para abastecer as unidades de saúde.

Paulo Câmara lembrou que, há quase um ano, Pernambuco contabilizava a primeira morte em decorrência da Covid-19. De março do ano passado até hoje, já foram registrados 11.807 óbitos provocados pela doença no Estado. “Temos nesse momento, 1.325 pessoas internadas em leitos de UTI por causa da Covid-19. É um quadro grave, de emergência sanitária, que precisa ser enfrentado com todos os recursos materiais e humanos disponíveis, para que mais vidas não sejam perdidas”, afirmou.

“O Governo de Pernambuco tem feito sua parte para que tenhamos sucesso na campanha de vacinação contra a Covid-19. Desde o começo garantimos que iríamos encaminhar as seringas e agulhas para as ações em sua totalidade, e estamos cumprindo. Com o avanço das etapas, novas remessas serão enviadas, para que todos os pernambucanos dos grupos prioritários sejam imunizados”, reforçou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

O governador Paulo Câmara também destacou o esforço da sua gestão para ampliar o número de leitos no último mês. Entretanto, afirmou que, diante do atual cenário, não será possível interromper a aceleração da disseminação da Covid-19 sem passar pelo período de quarentena. “No último domingo, tivemos 55% de isolamento social, maior patamar registrado este ano. Agradeço a todos que compreenderam a importância de dar a sua contribuição, mesmo com todos os sacrifícios de um ano de pandemia. Precisamos aumentar os índices de isolamento para aliviar a pressão sobre o sistema de saúde. Evite sair de casa. Se for necessário sair, use máscara o tempo todo. Essas atitudes simples salvam vidas”, completou.

UTI

A rede de saúde pública de Pernambuco segue sendo reforçada para o atendimento aos casos graves da Covid-19. Nesta quarta-feira (24),  já entraram em operação 20 novos leitos de UTI nos hospitais da Mulher do Recife (5), Barão de Lucena (5), ambos no Recife, e também no Regional de Palmares (10). Com isso, Pernambuco ultrapassa a marca dos 2,6 mil leitos para Covid-19. Ao todo, já 2.611 vagas, sendo 1.437 de UTI.

Conass

 Durante Assembleia para a eleição da nova diretoria do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), realizada de forma virtual na tarde desta quarta-feira (24/03), o secretário de Pernambuco, André Longo, foi reconduzido, por unanimidade, ao cargo de vice-presidente do órgão para a região Nordeste. A eleição também reconduziu Carlos Lula, secretário do Maranhão, como presidente da entidade.

“Fico honrado em ser reconduzido por aclamação, ao lado do Presidente Carlos Lula, para mais uma vez compor a diretoria do Conass. Neste momento de agravamento da Pandemia no país, o Conselho tem desempenhado papel fundamental para dar unidade no enfrentamento à Covid-19 entre os Estados. Temos defendido, a partir do amplo diálogo interno, a necessidade de senso de urgência no enfrentamento a este difícil momento, com o resgate de uma coordenação nacional à crise sanitária, sempre respeitando as esferas de pactuação do SUS. Também precisamos de um amplo processo de comunicação com a sociedade, que massifique os cuidados necessários neste momento de pandemia, e a aceleração do processo de aquisição de vacinas”, destacou André Longo.

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde congrega os Secretários de Estado da Saúde dos 27 Estados e do Distrito Federal com o objetivo de fortalecer as secretarias estaduais de saúde, torná-las mais participativas na construção do setor saúde e representá-las politicamente.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 19/04
A Justiça está realmente cuidando das crianças no centro de disputas familiares?
Resumo da semana: STF mantém anulações de sentenças contra Lula, mais jovens em UTIs e CPI da Covid
Cacique Raoni pede ao presidente dos EUA que ignore Jair Bolsonaro
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco