Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

TRÂNSITO

Operação Lei Seca será intensificada no período de Carnaval

Publicado em: 12/02/2021 15:05

 (Foto: Governo do Estado/Divulgação)
Foto: Governo do Estado/Divulgação

O período de Carnaval cancelado contará com ampliação da operação Lei Seca, na Região Metropolitana do Recife, Agreste e Litoral. De acordo com o Governo do Estado, o enfoque estará em destinos que, habitualmente, são preferidos pelo público nesta época do ano. O trabalho também deve se estender aos municípios que não suspenderam o ponto facultativo do período carnavalesco, a exemplo de Bezerros, no Agreste, e Tamandaré, na rota Sul.

Até a próxima quarta-feira (17), o objetivo, segundo o órgão, é coibir a combinação de bebida e direção, autuando aqueles que descumprirem a lei. Apesar da data comemorativa, o decreto publicado janeiro deste ano, proibiu a realização de shows, festas, eventos carnavalescos e similares de qualquer tipo, com ou sem comercialização de ingressos, em ambientes fechados ou abertos, públicos ou privados. A operação Lei Seca contará com ações em horários variados, evitando também as aglomerações comuns, que poderiam gerar um aumento nos casos da Covid-19 no Estado.

"Já temos quase dez anos de um importante trabalho de educação no trânsito em nosso Estado. As blitze estão nas ruas diariamente e não será diferente neste período de Carnaval. Vamos continuar reforçando que bebida e direção não combinam e, caso alguém teime em descumprir a lei, as sanções previstas serão efetivadas. Com as mudanças impostas pela pandemia, nossas equipes também estarão atentas e atuantes para evitar aglomerações, que possam impactar no aumento da contaminação pela Covid-19", afirma o secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo.

A gestão estadual reforçou, ainda, a importância da população denunciar às autoridades possíveis casos de descumprimento às normas e decreto estaduais. "Pedimos a colaboração dos pernambucanos para cumprir as determinações e afirmamos também que diversos órgãos  estarão fiscalizando para que haja o cumprimento.  A Secretaria de Defesa Social já confirmou reforço na fiscalização para assegurar que as medidas sanitárias sejam obedecidas e também para que as sanções legais sejam tomadas para aqueles que não seguirem o decreto", reforça Longo.

As denúncias de possíveis focos de descumprimento de medidas restritivas durante o Carnaval podem ser feitas pelo telefone 190, ou por meio do Whatsapp do Procon, pelo número: (81) 3181.7000.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 03/03
Secretários estaduais de Saúde pedem mais rigor nas medidas de restrição contra Covid-19
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 02/03
Com 93% de taxa de ocupação de UTIs, Pernambuco decreta mais restrições
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco