Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

COMUNIDADE

O prefeito João Campos acompanhou ação do Mais Vida nos Morros em Rosa Selvagem neste domingo

Publicado em: 14/02/2021 14:32 | Atualizado em: 14/02/2021 15:48

 (Foto: Marcos Pastich/PCR)
Foto: Marcos Pastich/PCR

A Comunidade Rosa Selvagem na UR-7/Várzea, na Zona Oeste do Recife começou a ser transformada neste domingo. A comunidade é a 55ª beneficiada pelo programa Mais Vida nos Morros. O programa foi realizado pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria Executiva de Inovação Urbana.

 


Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, as ações deram dada largada com um mutirão de pintura de casas e o início da intervenção artística na obra de contenção de encosta da Rua João Carneiro da Cunha, uma das maiores já realizadas pela Prefeitura do Recife.

O prefeito do Recife, João Campos, acompanhou a ação e conversou com moradores. "A gente está visitando essa ação do Mais Vida nos Morros, em Rosa Selvagem. Essa é a maior obra de proteção de encosta feita na última década, feita pelo então prefeito Geraldo Julio. E agora a gente dá início ao Mais Vida nos Morros, aqui vai ser feita toda a pintura dessa área, vai ser feita a pintura das casas, vai ser feito um espaço de lazer para as crianças, mobiliário urbano, para garantir cidadania para essa área importante”, disse o prefeito.

Na ocasião, 4 artistas locais (Lelo Boy, Bode, Will e Mega) iniciaram as intervenções de arte urbana na contenção da encosta da barreira, que tem 6.450 m². A assessoria também afirma que, além de serviços de drenagem, o local foi beneficiado com um muro de 190 metros de comprimento e 40 de altura, feito com tela argamassada. A rua que passa por cima também recebeu serviços de drenagem e uma nova pavimentação. O espaço ganhou também escadaria, rampa e corrimão.

O programa Mais Vida nos Morros é uma política pública de inovação e resiliência urbana que reinventa a cidade e combate a desigualdade socioespacial a partir da promoção do desenvolvimento sustentável, do protagonismo comunitário e da promoção de um espaço urbano melhor para todos, principalmente as crianças. O programa foi criado desde 2016 e uma das principais finalidades do programa é transformar os espaços urbanos.

 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Combate à obesidade ganha ainda mais importância no contexto da pandemia
Resumo da semana: explosão de casos de Covid-19 e desdém do presidente
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 05/03
Na pior fase da pandemia, cidades fazem panelaço contra Bolsonaro
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco