Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

PRIVSÃO

Confira as previsões para 2021, segundo os búzios, tarô e astros

Publicado em: 01/01/2021 09:50 | Atualizado em: 01/01/2021 11:44

 (Foto: Arquivo pessoal)
Foto: Arquivo pessoal
O ano de 2020 para algumas pessoas foi um ano de perdas, seja de familiares que morreram com o coronavírus, restrições sociais que impediam e até hoje impedem alguns encontros. Mas, o que podemos esperar de 2021? A reportagem do Diario de Pernambuco conversou com alguns representantes de crenças universais, que fizeram previsões do que 2021 guarda para a humanidade. A taróloga, a astróloga e o babalorixá concordaram que 2021 trará muitas transformações e descobertas científicas. 

A pandemia para eles, veio para fazer as pessoas refletirem sobre o coletivo. Todos também concordaram que o setor de tecnologia estará em alta no ano novo que - para a cultura chinesa- é representado pela figura do boi e o elemento metal. O boi de metal para a astrologia chinesa traz alguns aspectos como a justiça, lealdade e disciplina.

Os búzios indicam renovação para 2021

O orixá que representará o ano será Oxalá, também chamado de Jesus Cristo, representado pela cor branca. "No primeiro trimestre Oxalá irá pegar toda a carga energética de sentimentos e perdas que foram deixadas por 2020. Já no segundo  trimestre vêm as águas de Iemanjá com o amarelo de Oxum para transformação da humanidade", disse o babalorixá, Wellington Oliveira. Que completou ainda falando que muitos laços de relacionamentos  foram desfeitos e refeitos, no período da quarentena. Na leitura dele, o coronavírus veio para agregar e abrir os olhos das pessoas para a necessidade do outro e também da importância da religiosidade individual.

Segundo o babalorixá, - que através do jogo de búzios interpretou as previsões para o ano de 2021 - o ano iniciará com várias descobertas, mas no mês de maio tudo ficará mais claro. Com 30 anos de religião, Wellington explicou que chama o Ifá - um oráculo africano- através de uma reza, para assim estabelecer uma conexão entre o céu e à terra, para que o babalorixá faça uma leitura indicativa sobre o ano. 

Para o Brasil, os búzios indicam um bom encaminhamento do setor da agricultura e também uma mudança positiva para a economia do país. "Algumas pessoas vão despertar e vão se lembrar de que não é só pegar o fruto, mas sim agoar, despertar e cultivar. O ano de 2021 pelo odum - energia que circula no local - é representado pelo número 3, um ano que vai trazer mais caminhos, com mais respeito ao próximo, pelo amor ou pela dor. No geral será um ano de transformações, próspero e bom, mas com um lado de perdas.

A previsão para o planeta indica mudanças significativas, brigas entre o bem e o mal, com manifestações e possíveis guerras. "Oxalá irá tomar conta para apaziguar a situação, muitas pessoas irão entrar em divergência. A ciência terá um caminho muito longo e próspero pela frente, um ano x como dizem", disse o Wellington Oliveira.

Para atrair boas energias na virada do ano, o babalorixá recomenda um banho com 3 canelas em paus e 3 folhas de louro. A pessoa deve fazer um chá com a mistura e banhar-se do pescoço para baixo no dia 31 e também, se possível, em todas as sexta-feiras do ano - pela sexta ser considerada, para o candomblé, o dia de Oxalá.

Taralogia indica que 2021 será um ano que pede coletividade

Já para a tarologia, segundo a taróloga Gabi Nunnes, o arcano regente do ano de 2021 é o sumo sacerdote, o papa, essa indicação se dá a partir da soma dos números do novo ano, que resultam em 5. Esse cálculo é feito a partir da numerologia, que aponta também questões como a energia e forças do ano. Em 2020 o arcano que regeu o ano foi o Imperador, representado pelo número 4.

A carta do sumo sacerdote fala sobre questões de  coletividade e serviço social. "Nós podemos esperar que 2021 traga o entendimento de tudo isso que nós temos passado em 2020", disse a taróloga, Gabi Nunnes. Mesmo com muito desenvolvimento do aparato tecnológico a humanidade não conseguiu controlar a pandemia, até o momento em que as forças e nações se uniram para a criação das vacinas. Para algumas pessoas, 2021 vai representar um ano ímpar no trabalho coletivo e na consciência em relação ao próximo, a casa em que vivemos e aos nossos corpos.

"O ano começa com o arcano de equilíbrio a temperança que fala sobre ter uma rotina mais leve, entender que estamos andando a passos lentos e que nós vamos ter que nos programar respeitando nossas limitações. Vamos ficar voltados a questões de cura, pensando na saúde física, emocional e mental", disse a taróloga.

No âmbito profissional, as cartas mostraram uma abertura de trabalhos e de profissionais e também indicaram para essas pessoas terem cuidados com a sua saúde. Uma busca por 12 meses mais saudáveis, sempre respeitando os limites individuais e entendendo as nossas regras. Ainda ao longo do ano de 2021 será proposto novos aprendizados para a humanidade, levantando a reflexão sobre o que foi aprendido e deve ser deixado em 2020 e não ser levado para 2021.

"O ano começa com esse balanço na consciência, cuidado da saúde, com pessoas retomando a sua vitalidade, com maiores investimentos na saúde. Tudo que foi aprendido em 2020 vem com mais fluidez e naturalidade em 2021", comentou a taróloga.

Será um ano propício para quem trabalha com economia e com as leis. As cartas dizem ainda que o momento pede ainda para os governantes, reformas para os países, algumas questões políticas podem emergir até o começo de fevereiro. Colaborando ainda mais para a necessidade de novas formas de investimento na economia, saúde e estudos.

"O ano que está por vir irá fazer uma limpeza nos governos, na saúde, nas nossas casas e nas relações. É tempo de utilizar da liberdade com consciência, e com propósitos que beneficiem a todos. No final de 2021 retornaremos algumas questões, precisaremos olhar novamente para o 'passado', velhas estruturas, velhos padrões. Mas diferente de 2020, estaremos muito mais preparados para uma nova fase", finalizou a Taróloga.

Na astrologia quem comanda é o planeta Vênus

Um dos tantos meios de previsão que algumas pessoas se guiam acerca dos anos vindouros é a astrologia. Os astros indicam que o ano de 2021 será regido por Vênus. Os planetas Júpiter e Saturno vão entrar no signo de aquário no último mês de 2020 e isso trará uma leveza para a chegada de 2021. Um indicativo que a previsão astrológica também mostrou é de que 6 dos 12 planetas, incluindo a lua, se alinharão ao signo de aquário. Isso vai fazer com que as características do signo de aquário fiquem fortes ao longo do ano.

Aquário é um signo de ar, está ligado à ciência e tecnologia, podendo, dessa forma, indicar algum avanço ou descoberta de grande relevância em relação à tecnologia. Para 2021 estão previstos quatro eclipses. O planeta regente de 2021 é Vênus; a cor é azul-claro; o número é 5.

"As pessoas precisam aproveitar a energia de aquário, se divulgar, vibrar nessa questão, aquário é um signo  coletivo, humanidade, não busca um salvador nós vamos nos salvar. Em 2020 não tínhamos responsabilidade coletiva, essa é a oportunidade desse resgate mundial. Muitas manifestações estão previstas para 2021, aquário é um signo revolucionário" disse a astróloga Mariane Aguiar.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 21/01
Variante britânica do coronavírus continua a se espalhar pelo mundo
Enem para todos com o professor Fernandinho Beltrão - Genética do sangue
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 20/01
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco