Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Cuidado

Polícia Federal alerta para golpe do ovo de Páscoa grátis

Publicado em: 10/04/2020 09:29 | Atualizado em: 10/04/2020 10:43

Criminosos utilizam o nome de empresas famosas, como a Cacau Show, para iludir a população. (Foto: Divulgação/PF.)
Criminosos utilizam o nome de empresas famosas, como a Cacau Show, para iludir a população. (Foto: Divulgação/PF.)
Circulam em redes sociais, como WhatsApp e Facebook, mensagens que prometem a distribuição de 5 mil ovos de páscoa gratuitos, em que a pessoa é induzida a clicar em um link e preencher dados para poder receber um deles. A mensagem é falsa e trata-se de mais um golpe virtual, em que criminosos utilizam os nomes das empresas Nestlé, Cacau Show e Kopenhagen para pegar dados pessoais. Segundo a Polícia Federal (PF), mais de 560 mil brasileiros já foram afetados pelo golpe.

A mensagem que aparece na tela é tentadora: “Estamos doando e entregando 5.000 ovos de páscoa inteiramente grátis #Fique em Casa”. O texto diz que as doações estão sendo feitas por causa dos supermercados terem cancelado compras do material diante da pandemia do novo coronavírus. Ao clicar no link malicioso, a pessoa é induzida a responder perguntas como qual tipo de chocolate prefere e se realizou compras de marcas famosas nos últimos 3 meses. 

“É comum que os cibercriminosos se aproveitem de períodos e situações específicas, como épocas festivas, promoções comerciais, liberação de dinheiro do governo ou situações que envolvam calamidades para aplicar golpes, para roubar dados pessoais e financeiros das vítimas, acessar os aplicativos de contas de banco, ou levá-las à páginas falsas para visualizar publicidades”, diz a PF, em nota. Ao menos seis links maliciosos foram reconhecidos pela polícia, circulando nas redes ao longo desta semana.

Em nota publicada em seu site oficial, a Nestlé também desmente a história. “Pelo respeito que a Nestlé tem por seus consumidores, esclarecemos que trata-se de uma falsa notícia. Eventuais dúvidas podem ser esclarecidas pelos canais tradicionais de atendimento da empresa, disponíveis em www.nestle.com.br/fale-conosco”.

Dicas para se proteger e não cair no golpe
1. Ao receber uma mensagem deste tipo, desconfie sempre antes de clicar nos links compartilhados no WhatsApp ou nas redes sociais. 
2. Cuidado com o imediatismo e sensacionalismo de mensagens tais como: ”promoção durará até hoje”, “faça seu cadastro agora”, “urgente, não perca essa oportunidade”, quase sempre tais conteúdos querem fazer com que as pessoas não averiguem a veracidade do conteúdo nas páginas e órgãos oficiais.
3. Certifique-se no site oficial da empresa sobre a veracidade, através do Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC), se a promoção está sendo oferecida, principalmente quando se tratar de supostas promoções, ofertas de dinheiro, brindes, descontos ou até promessas de emprego. Nesse caso, as empresas já se manifestaram alertando e esclarecendo que são falsas as informações sobre as promoções de ovos de páscoa grátis sendo entregues na residência das pessoas.
4. Não compartilhe links duvidosos com seus contatos sem antes saber se são autênticos – você pode estar sendo usado por bandidos para espalhar o golpe e prejudicar outras pessoas.
5. Jamais preencha nenhum formulário fornecendo ou repassando informações sobre senha de banco, conta bancária, dados financeiros, benefícios, dentre outros.
6. Preste atenção nos erros de português dos anúncios e veja sempre a terminação dos links se tem a grafia .com.br ou ,gov.br
7. Nunca baixe programas piratas para o celular ou computador, tais sites costumam ter a maior concentração de vírus;
8. Instale um bom antivírus em seu celular ou computador e tenha o sistema operacional do seu celular e computador atualizados.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Um ato por justiça e solidariedade
Resumo da semana: criança morre ao cair de prédio e reabertura pós-quarentena
05/06: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Covid-19 põe indígenas amazônicos em grande risco
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco