Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Balanço

PE: Apesar de não ter novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas, estado reforça a necessidade de isolamento

Publicado em: 24/03/2020 17:30 | Atualizado em: 25/03/2020 11:55

O secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia; o secretário estadual de Saúde, André Longo, e o infectologista Demetrius Montenegro participaram de coletiva nesta terça. (Foto: Hélia Scheppa/SEI/Divulgação)
O secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia; o secretário estadual de Saúde, André Longo, e o infectologista Demetrius Montenegro participaram de coletiva nesta terça. (Foto: Hélia Scheppa/SEI/Divulgação)
A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) informou, nesta terça-feira (24), que não há novos casos confirmados da Covid-19 em Pernambuco. Nessa segunda (23), 42 casos do novo coronavírus estavam confirmados. Nas últimas 24 horas, todos os 108 testes realizados pelo Laboratório Central de Pernambuco (Lacen-PE) deram negativo. Esta foi a primeira vez que o estado não teve novos casos confirmados desde que a transmissão comunitária foi verificada, no dia 17 de março.

Por outro lado, na coletiva do governo federal desta terça sobre a pandemia, o Ministério da Saúde informou que estima que a cada 14 confirmados do novo coronavírus, há mais 86 infectados e não testados. Dessa forma, Pernambuco teria 258 infectados. No Brasil, o Ministério da Saúde divulgou que há 2.201 pessoas infectadas e 46 morreram em decorrência da Covid-19.

Nesta quarta-feira (25), completa-se um mês desde o início das notificações do novo coronavírus em Pernambuco. O primeiro caso suspeito foi notificado no dia 25 de fevereiro após uma mulher de Caruaru que viajou para a Itália apresentar sintomas da Covid-19. O caso da paciente foi descartado posteriormente. Os primeiros casos confirmados do estado foram informados no dia 12 de março. Os pacientes eram um casal, sendo a mulher com 66 e o homem com 71 anos. A mulher foi a primeira paciente a ter cura clínica confirmada pelo estado.

Confira a coletiva de imprensa desta terça-feira:

Apesar de os resultados da últimas 24 horas serem todos negativos, o secretário estadual de Saúde, André Longo, ressaltou que "o resultado de um dia de análise não é estatisticamente relevante, já que a pandemia vai durar meses". Segundo ele, as recomendações de cuidados com a higiene e isolamento social permanecem. "Fazemos um apelo especial para resguardar as pessoas mais vulneráveis, como idosos e indivíduos com histórico de doença", afirmou o secretário.

Além do pedido para reforçar os cuidados com os mais velhos, o secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia, fez um alerta aos mais jovens. "Quando diz que a doença é potencialmente mais grave em pessoas de 60, 70 anos, isso não quer dizer que os jovens sejam invencíveis. A doença pode ser até séria nesta população. É fundamental que vocês tomem a atitude de ficar em casa para proteger a vocês mesmos e as pessoas que vocês amam", destacou.

A recomendação do estado ainda é de que só devem procurar unidades de saúde pessoas do grupo de risco ou que apresentem dificuldade para respirar. Dos 42 casos confirmados, 29 estão em isolamento domiciliar e oito em instituições privadas de saúde. Dos internados, três estão em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sendo dois no Real Hospital Português (RHP), da rede particular, e um no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), da rede pública.

Curados

De acordo com o novo balanço divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde, subiu para cinco o número de pessoas curadas do novo coronavírus no estado. O chefe do setor de Infectologia do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), Demetrius Montenegro, explicou que os pacientes curados não receberam medicação específica para a Covid-19. "Alguns dos recuperados estavam internados e outros em isolamento domiciliar. Eles não receberam medicação específica (para o novo coronavírus). O internamento se deu para tratar de outras infecções, como pneumonia", esclareceu.

Testes

O Ministério da Saúde, define a política nacional de testagem para a Covid-19 sinalizou, na tarde dessa segunda-feira, a ampliação do número de testes a serem disponibilizados aos estados. Pernambuco aguarda posição oficial do órgão federal para adoção de novas estratégias.

"Somente com a definição da quantidade de testes que devem ser enviados para Pernambuco será possível decidir se mudaremos os critérios dos casos que devem ter amostras. É importante ressaltar que o estado segue o atual protocolo recomendado pelo Ministério, que estabelece a testagem apenas nas pessoas que estão hospitalizadas por causa dos sintomas causados pela SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave), como falta de ar, desconforto respiratório e dor torácica", afirma André Longo.

O secretário ressaltou que a testagem em profissionais de saúde é uma das prioridades. "Nosso compromisso é realizar a testagem em todos os profissionais de saúde que estejam na linha de frente de atendimento, seja atendendo casos suspeitos ou casos confirmados da Covid-19 e outras infecções respiratória. O objetivo é dar a tranquilidade necessária para esses profissionais e poder contar com essa força de trabalho indispensável no enfrentamento ao novo coronavírus", disse.

Nesta terça (24), o Instituto Aggeu Magalhães disponibilizou mais um termociclador (equipamento que processa os exames), dobrando a capacidade do Lacen-PE.  Outras parcerias estão sendo estabelecidas entre a SES-PE e entidades da comunidade científica, como o Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami da Universidade Federal de Pernambuco (Lika – UFPE). 

Vacinação

Nessa segunda, idosos e profissionais de saúde começaram a receber a vacina contra gripe. Eles são o público-alvo da primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra Gripe, que foi antecipada em um mês. Na primeira fase, Pernambuco tem uma população a vacinar de 1.148.115. O objetivo da antecipação é proteger os pernambucanos contra três vírus da influenza - A(H1N1), A(H3N2) e B -, evitando adoecimentos e, consequentemente, o impacto nos serviços de saúde neste momento da ocorrência de casos do novo coronavírus.

Evolução dos casos do novo coronavírus em Pernambuco:

25 de fevereiro – 1 caso suspeito

26 de fevereiro – 3 casos suspeitos

27 de fevereiro –  5 casos em investigação, 1 caso descartado

28 de fevereiro – 5 casos em investigação, 5 casos descartados

29 de fevereiro – 5 casos em investigação, 7 casos descartados

1º de março – 5 em investigação, 8 descartados

2 de março – 4 em investigação, 10 descartados

3 de março – 4 em investigação, 11 descartados

4 de março – 6 em investigação, 11 descartados

5 de março – 8 em investigação, 12 descartados

6 de março – 6 em investigação, 16 descartados

7 de março – 7 em investigação, 16 descartados

8 de março – 9 em investigação, 18 descartados

9 de março – 12 em investigação, 18 descartados

10 de março – 12 em investigação, 22 descartados

11 de março – 17 em investigação, 22 descartados

12 de março – 2 casos confirmados, 12 em investigação, 1 provável e 30 descartados

13 de março – 2 confirmados, 38 em investigação, 1 provável, 33 descartados

14 de março – 7 confirmados, 44 em investigação, 12 prováveis, 40 descartados

15 de março – 8 confirmados, 61 em investigação, 11 prováveis, 47 descartados

16 de março – 18 confirmados, 81 em investigação, 3 prováveis, 81 descartados

17 de março – 19 confirmados (primeiro caso de transmissão comunitária confirmado), 250 em investigação, 3 prováveis, 85 descartados

18 de março – 22 confirmados, 364 em investigação, 3 prováveis, 96 descartados

19 de março – 28 confirmados, 311 em investigação, 3 prováveis, 166 descartados

20 de março – 31 confirmados (1 curada), 289 em investigação, 3 prováveis, 206 descartados

21 de março – 33 confirmados, 318 em investigação, 3 prováveis, 276 descartados

22 de março – 37 confirmados (3 curados), 310 em investigação, 3 prováveis, 375 descartados

23 de março – 42 confirmados (3 curados)

24 de março – 42 confirmados (5 curados)

 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevista com o deputado estadual Eriberto Medeiros (PP), presidente da Alepe
Unicap continua com as inscrições abertas para Vestibular 2022
Bruno Becker, da chapa Náutico Sustentável, divulga projetos para o Timbu
Manhã na Clube: entrevista com o deputado estadual Romero Sales Filho (PTB)
Grupo Diario de Pernambuco