Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Restrição

Índios proíbem visitantes em aldeias para evitar contágio do novo coronavírus

Publicado em: 24/03/2020 12:43 | Atualizado em: 24/03/2020 12:51

 (Foto: Divulgação.)
Foto: Divulgação.
Os índios nordestinos estão fechando as aldeias para evitar disseminação do novo coronavírus. A medida restringe a entrada de visitantes. As etnias fecharam seus territórios com cercas e anunciaram a proibição através de cartazes e publicações nas redes sociais.

A coordenadora regional da Funai em Alagoas (CR-NE1), Waldira Barros, enviou junto com sua equipe todos os decretos referentes à pandemia aos coordenadores locais da Funai e aos Distritos Sanitários Indígenas (DSEI) para que as comunidades indígenas recebessem as orientações sobre o isolamento necessário contra a disseminação do vírus.

Estudantes das etnias Atikum e Pankará, alunos da Universidade de Brasília (UNB), deixaram o Distrito Federal depois que as aulas na instituição foram suspensas por tempo indeterminado e chegam na madrugada desta terça-feira (24), ao Recife.

Como um decreto estadual suspendeu o transporte intermunicipal em Pernambuco, a Funai alugou um carro para fazer o transporte dos índios até suas aldeias, onde ficarão em isolamento.

Mobilizados contra a pandemia, os índios de todas as etnias da região estão afixando cartazes nas entradas das suas terras alertando sobre as restrições.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevista com o deputado estadual Eriberto Medeiros (PP), presidente da Alepe
Unicap continua com as inscrições abertas para Vestibular 2022
Bruno Becker, da chapa Náutico Sustentável, divulga projetos para o Timbu
Manhã na Clube: entrevista com o deputado estadual Romero Sales Filho (PTB)
Grupo Diario de Pernambuco