Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Covid-19

Governo de Pernambuco informa que adquiriu 65 mil máscaras para a rede estadual de saúde

Publicado em: 20/03/2020 20:14 | Atualizado em: 20/03/2020 21:38

 (Foto: VINCENT JANNINK / ANP / AFP)
Foto: VINCENT JANNINK / ANP / AFP
O governo de Pernambuco informou, nesta sexta-feira (20), que adquiriu 65 mil máscaras cirúrgicas descartáveis para o enfrentamento ao novo coronavírus no estado. Além disso, de acordo com a Secretaria da Fazenda, foram adquiridos álcool em gel 70% e luvas. O material será distribuído na rede de hospitais que está atuando para conter a Covid-19.

Nessa quinta-feira (19), chamou a atenção uma operação para recolher máscaras descartáveis na loja Gold Medic, em Boa Viagem, Zona Sul do Recife. Sobre as requisições administrativas de imóveis e produtos, o governo do estado esclareceu que todas as ações estão sendo acompanhadas pela Secretaria da Fazenda e que os pagamentos referentes a essas requisições serão prioridade.

"Pedi reunião por teleconferência com empresários. Além do pagamento justo e imediato, (esse tipo de ação) é excepcional. É momento de contingência. Estamos com um cenário de quase guerra. Os empresários estão colaborando, e o pagamento será feito. Estamos pegando para o bem coletivo", afirmou o secretário da Fazenda de Pernambuco, Décio Padilha.

Esse tipo de operação é acobertada pelo decreto 48.809, de 14 de março deste ano. O decreto regulamenta, no estado, medidas temporárias para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus, conforme previsto na lei federal 13.979, de 6 de fevereiro de 2020.

O decreto determina que, para o enfrentamento da emergência de saúde, poderão ser adotadas as seguintes medidas: isolamento; quarentena; determinação de realização compulsória de exames médicos, testes laboratoriais, coleta de amostras clínicas, vacinação e outras medidas profiláticas, tratamentos médicos específicos; estudo ou investigação epidemiológica; exumação, necropsia, cremação e manejo de cadáver e requisição de bens, serviços e produtos de pessoas naturais e jurídicas, hipótese em que será garantido o pagamento posterior de indenização justa.

"É certo que o consumo tem aumentado nas unidades, tendo em vista a preocupação dos nossos profissionais. Mas é importante ressaltar que há uma crise nacional no abastecimento de insumos. Há uma promessa do governo federal de uma grande compra desses produtos, estamos aguardando alguma posição oficial. Também comunicamos nosso respeito aos distribuidores e fornecedores, mas neste momento, precisamos pensar no bem coletivo a fim de que possamos estabelecer um ambiente de tranquilidade aos profissionais que atuam nas nossas unidades hospitalares. Com as ações de recolhimento que já deflagramos nos últimos dias, em consonância com os decretos anunciados pelo Governador Paulo Câmara, já conseguimos garantir 754 mil unidades de insumos", afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Teste

Pernambuco também terá sua capacidade diagnóstica ampliada, com a aquisição de 2 mil novos kits de testagem - com o quantitativo se poderá realizar até 100 testes por dia. O reforço será essencial para testar também os profissionais de saúde caso venham a adoecer. "É necessário um esclarecimento precoce, com medidas adequadas e preventivas. Por isso, estamos trabalhando com a possibilidade de profissionais adoecerem. Se esses casos acontecerem, teremos um diagnóstico rápido, dando celeridade ao acompanhamento das ocorrências", pontuou o secretário de Saúde do estado. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Notícias de 06/07 - Covid-19 deve matar mais no interior, prefeito investigado e festa restrita
Louvre reabre com público reduzido após mais de três meses fechado
De 1 a 5: Práticas para cuidar da saúde mental em casa
07/07 Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco