Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Coronavírus

Geraldo Julio pede para recifenses ficarem em casa e suspende atendimento na PCR

Publicado em: 20/03/2020 16:30 | Atualizado em: 20/03/2020 16:35

 (Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR/Divulgação)
Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR/Divulgação
Após anunciar medidas ainda mais restritivas em conjunto com o Governo do Estado, com a determinação do fechamento de parte do comércio, dos serviços e da construção civil, o prefeito Geraldo Julio fez um apelo aos recifenses para que evitem sair de casa e tomem os cuidados preventivos necessários para se proteger do novo coronavírus. Nesta sexta-feira (20), o prefeito anunciou ainda cinco novas medidas do Plano Municipal de Contingência, que chega hoje a 117 ações.  

“Pela manhã, em conjunto com o governador Paulo Câmara, anunciamos mais medidas restritivas do contato social, com o objetivo de conter a velocidade de disseminação do novo coronavírus em nossa cidade e em nosso estado. Chegou a hora de suspender as atividades do comércio, dos serviços e de parte da construção civil. Só devem funcionar todos os serviços voltados ao atendimento da situação de emergência, ao abastecimento das famílias e aos serviços essenciais da cidade. É muito importante que todos fiquem em casa. Aqui na Prefeitura, os serviços voltados à emergência em Saúde vão funcionar, todos os demais serão suspensos para que todos fiquem em casa. Essa é uma luta de todos nós pela vida. É muito importante que todos fiquem em casa”, disse Geraldo Julio.

O decreto municipal anunciado nas medidas dessa quinta (19), que prevê a suspensão da construção civil, determina que fiquem mantidas as obras e serviços públicos e privados necessários aos Planos de Contingência Municipal, Estadual e Federal.

O conjunto de medidas anunciado nesta sexta, pela Prefeitura do Recife, inclui além do fechamento do atendimento ao público e visitação externa no edifício-sede da Prefeitura do Recife, suspensão das atividades do Jardim Botânico do Recife (JBR), e o fechamento de três Juntas de Alistamento Militar, administradas pela Prefeitura do Recife que reúnem cerca de 400 pessoas por dia. Com as medidas anunciadas, o Plano Municipal de Contingenciamento chega a 117 ações.

Doações

Como mais uma forma de mobilizar a sociedade na contingência do novo coronavírus, a Prefeitura do Recife irá mobilizar a sociedade para o financiamento coletivo (vaquinha virtual), da compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e médico-hospitalares para o atendimento de idosos. Com a Plataforma Quero Impactar, lançada pela Prefeitura do Recife em julho de 2019, o cidadão terá a possibilidade de fazer a doação e ajudar nos esforços de combate à Covid-19, abatendo até 6% do seu Imposto de Renda do próximo ano.

Para fazer a doação é simples: basta preencher formulário disponível na plataforma ou do aplicativo para dispositivos móveis Quero Impactar, disponível para Android e IOS. 

Confira as ações anunciadas nesta sexta-feira (20):

1.
Fechamento do atendimento ao público e visitação externa no Edifício Sede da Prefeitura do Recife

2. Fechamento do Jardim Botânico do Recife

3. Reiteração do ofício à Anvisa solicitando a proibição de voos internacionais no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes

4. Fechamento de três juntas militares que juntas reúnem cerca de 400 pessoas por dia

5. Arrecadação de doações da sociedade civil para a compra de equipamentos de saúde por meio da plataforma Quero Impactar
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Notícias de 14/07: Quiosques e banho de mar liberados, testagem ampliada e Sarí denunciada à Justiça
Reino Unido exclui gigante chinesa de sua rede 5G
Estados Unidos vão realizar primeiras execuções federais em 17 anos
Ao vivo com Pedro Guimarães : Auxílio Emergencial e FGTS
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco