Urbanismo Rua do Príncipe ganha calçadas novas e pracinha

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 23/09/2019 21:52 Atualizado em:

Obra custou R$ 1,5 milhão. Foto: Tarciso Augusto/Esp. DP
Obra custou R$ 1,5 milhão. Foto: Tarciso Augusto/Esp. DP
Na tarde desta segunda-feira (23), um trecho de 750 metros da Rua do Príncipe, na Boa Vista, área central do Recife, ganhou uma nova calçada. A ação faz parte do projeto Calçada Legal, que requalificou o lado direito da calçada localizado entre as ruas Nunes Machado e do Hospício. O piso está maior, com 1,20 metros de largura. Além disso, foram implantadas novas paradas de ônibus, bancos, postes de luz, placas de sinalização e faixas de pedestre.

Um destaque da requalificação é a Praça Nóbrega, nome dado a um espaço de 5 metros cedido à prefeitura pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), em frente ao campus e ao Liceu Nóbrega. Além do aumento da calçada na área, foi instalado um espaço de convivência para a população usufruir. 

O prefeito Geraldo Julio visitou a nova calçada à tarde. “O espaço público em frente à universidade é um lugar onde passam milhares de pessoas todos os dias. Essa obra melhorou o paisagismo, o abrigo de ônibus tem melhor qualidade, o comércio informal agora está em um espaço específico. Ações como essas melhoram a cidade”, destaca.

Foram investidos R$ 1,5 milhão (recursos municipais). A obra foi executada pela Autarquia de Urbanização do Recife (URB), seguindo as diretrizes do Plano Centro Cidadão, elaborado pela Unicap com a Prefeitura do Recife. O plano tem por objetivo criar um novo conceito de integração entre espaços públicos e privados e, com isso, melhorar a qualidade urbana e a relação das pessoas com a cidade.

“Quando começamos a fazer o planejamento da cidade, convocamos a sociedade como um todo. Por aqui, no centro, buscamos a Unicap para discutir o centro da cidade, visto que ela é um dos organismos que mais movimentam essa região. Então, foi desenvolvido esse plano. Essa intervenção na calçada é um piloto desse projeto”, acrescenta o prefeito.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.