Raiva Campanha de Vacinação Antirrábica Animal vai até próximo sábado

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 16/09/2019 07:36 Atualizado em:

Foto: Cortesia. (Foto: Cortesia.)
Foto: Cortesia.
A Prefeitura do Recife vacinou 115 mil cachorros e gatos nos dos primeiros dias da Campanha de Vacinação Antirrábica Animal 2019. Somente nesse sábado (15), segundo dia da ação, a Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife imunizou mais de 57 mil cães e gatos da Zona Oeste e do Centro da cidade. A campanha, que este ano foi dividida em três dias, por áreas, se encerra no próximo sábado (21), quando o alvo serão os animais da Zona Sul do Recife (distritos 6 e 8).

Nesse sábado (15), mais de 135 postos volantes foram montados nos distritos sanitários 1, 4 e 5, beneficiando 39.616 cachorros e 18.076  gatos, totalizando 57.692 animais vacinados no Centro do Recife e na Zona Oeste da capital pernambucana. Já no primeiro dia do cronograma (24/08), cerca de 200 postos volantes foram montados nos distritos sanitários 2, 3 e 7, beneficiando 56.718 animais da Zona Norte do Recife.

A lista completa com os próximos pontos de vacinação será divulgada no site da Prefeitura do Recife, até a sexta-feira (20). A meta da Vigilância Ambiental do Recife é vacinar um total de 180 mil animais na capital pernambucana. Em 2018, a Sesau Recife vacinou mais de 132 mil cães e 55 mil gatos.

A raiva é uma zoonose (doença que pode ser transmitida dos animais ao ser humano) muito grave, que é quase 100% letal tanto para as pessoas quanto para os animais que têm seu sistema nervoso central afetado.  A campanha é garantida pelo SUS porque o objetivo é atingir o ciclo humano. Os animais precisam tomar a vacina antirrábica todo ano para garantir a proteção deles e, consequentemente, da população humana.

Durante o resto do ano, fora do período de campanha, os moradores do Recife podem vacinar cães e gatos contra a raiva no Centro de Vigilância Ambiental (CVA), em Peixinhos, e no Hospital Veterinário do Recife, no Cordeiro, além dos postos fixos localizados nas sedes dos oito distritos sanitários. Moradores de outros municípios devem procurar as Secretarias de Saúde de suas cidades.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.