Educação Parceria entre Funase e CIEE oferta 41 cursos para socioeducandos

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 20/08/2019 10:37 Atualizado em:

Foto: Divulgação/Funase. (Foto: Divulgação/Funase.)
Foto: Divulgação/Funase.
A Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) e o Centro de Integração Empresa-Escola em Pernambuco (CIEE-PE) estão ofertando 41 cursos profissionalizantes a socioeducandos. Novas 11 formações serão acrescentadas nas certificações. O termo de inclusão dos novos cursos foi assinado pela presidente da Funase, Nadja Alencar, e pela superintendente executiva operacional do CIEE, Maria Inez Borges Lins. O encontro ocorreu na sede da Funase, no bairro dos Aflitos, no Recife.

Entre as novas formações estão: barbearia e corte masculino, aperfeiçoamento em barbearia e corte masculino, básico de corte de cabelo masculino, operador logístico, tapeçaria, tricotin, decoupagem, artesanatos em couro e pele e artesanato em corda e sisal. Esse último curso, por exemplo, já vinha sendo realizado na Casa de Semiliberdade (Casem) Caruaru e teve parte da produção resultante das aulas exposta na Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte), em julho.

Pelo acordo de cooperação técnica, que tem duração de cinco anos, cabe à Funase disponibilizar espaços e equipes técnicas para o acompanhamento das atividades e supervisionar a frequência dos socioeducandos nas atividades. Já ao CIEE compete capacitar instrutores que sejam funcionários ou voluntários para a realização do módulo de empreendedorismo, requisito para a conclusão de algumas formações, além de certificar socioeducandos que tenham aproveitamento de, ao menos, 75% da carga horária dos cursos.

"Inserir os adolescentes do sistema socioeducativo em oportunidades de qualificação profissional é algo que abre horizontes para a integração social deles, além de representar um estímulo para que reconstruam seus projetos de vida", avalia o secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude de Pernambuco, Sileno Guedes, que, em março deste ano, já havia participado de uma reunião com o CIEE, ocasião em que os resultados da parceria foram celebrados, e o número de cursos oferecidos, ampliado.

Além das 11 novas formações, já são ofertados para os adolescentes e jovens da Funase cursos como Pintura em Tecido, Recondicionamento de Computadores, Eletrônica com Ênfase em Robótica, Informática Básica, Pintura Imobiliária, Arte e Reciclagem, Montagem e Manutenção de Computadores e Culinária Básica, além do ciclo de palestras de pré-qualificação para o mercado de trabalho, dos introdutórios de reparo de computadores e eletrônica e das oficinas de aperfeiçoamento profissional.

"A ampliação da oferta acontece pelo êxito da experiência dos cursos que são executados diretamente pelos agentes socioeducativos. É um investimento que os gestores das unidades da instituição vêm fazendo ao colocar os agentes no papel de instrutores", destaca o coordenador do Eixo Profissionalização, Esporte, Cultura e Lazer da Funase, Normando de Albuquerque.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.