Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Local

Saúde

Pernambuco atinge meta de vacinação contra a influenza

Publicado em: 29/05/2019 15:55 | Atualizado em: 29/05/2019 16:02

Estado é o único do Nordeste e o terceiro no país a alcançar a meta. Crédito: Miva Filho/SEI

Pernambuco atingiu a meta de vacinar, no mínimo, 90% de sua população contra a influenza. Até o início da tarde desta quarta-feira (29.05), 2.382.801 (90,10%) de pernambucanos já tinham sido imunizados. Isso significa que 261 mil ainda podem procurar os postos de saúde para receber a dose da vacina até a próxima sexta-feira (31.05). Até o momento, o Estado é o único do Nordeste e o terceiro no país a alcançar a meta.

"Mais uma vez conseguimos mostrar que a mobilização de todos os gestores públicos faz a diferença em uma campanha de vacinação. Assim como ocorreu na ação contra o sarampo e a poliomielite, ano passado, também ficamos entre os primeiros Estados a atingir a meta mínima contra a influenza. Ainda nos anima ver que temos uma homogeneidade nas coberturas da maioria dos grupos prioritários", afirma a coordenadora do Programa Estadual de Imunização da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), Ana Catarina de Melo.

Na análise dos grupos prioritários, já atingiram a meta de 90%: gestantes (93,18%), trabalhadores de saúde (97,77%), puérperas (113,96%), indígenas (98,01%), idosos (91,61%), professores (100,48%), comorbidades (90,17%) e funcionários do sistema prisional (214,06%). Crianças (84,96%), população privada de liberdade (85,64%) e policiais (militares, civis, bombeiros) e membros ativos das Forças Armadas (52,49%) ainda estão abaixo do percentual mínimo.

"Fizemos uma parceria com a Secretaria de Defesa Social para estimular o grupo dos policiais, bombeiros e membros da Polícia Civil a serem imunizados. Foram divulgados vídeos e cards com informações para chegar até essa população, que pela primeira vez participam da campanha de vacinação contra a influenza. Além disso, reunimos os municípios na semana passada para debater e divulgar estratégias exitosas, além de termos realizado um segundo Dia D no último sábado. Essa série de atividades foi essencial para conseguirmos alavancar nossos dados e chamar a atenção da população para a imunização", reforça o secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo.

O secretário ainda destaca a importância de vacinar as crianças entre 6 meses e menores de 6 anos. "Esse é o grupo com o maior número de pessoas ainda a serem vacinadas, mais de 113 mil. Por isso, convocamos os pais e responsáveis para levarem as crianças aos postos de saúde. Lembrando que essa população é a mais acometida pelos casos de síndrome respiratória aguda grave e de casos confirmados laboratorialmente para influenza", pontua.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Maria, mãe de um povo ferido
Confira a estreia do programa In set
Educação humanizadora e não violência nas escolas
João e os 50 anos de colunismo social
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco