Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Levados pela fé

Pernambucanos partem em missões para Terra Santa

Eles querem conhecer os lugares por onde Jesus passou e deixou a sua marca

Publicado em: 07/05/2018 10:21 | Atualizado em: 07/05/2018 10:27

Lúcia Helena já viajou 13 vezes para a Terra Santa. Foto: Gabriel Melo/Esp DP
Quando você vai para a Terra Santa você não vai porque quer. É Deus que chama. É um encontro pessoal.” Conhecer a região entre Israel, Cisjordânia e Jordânia nunca esteve nos planos de viagem da consultora de vendas Lúcia Menezes, 66 anos. Mas bastou ela pisar no berço do cristianismo pela primeira vez para sentir a força de estar nos mesmos lugares onde Jesus Cristo teria passado. Depois da primeira viagem, regressou outras 12 vezes. Lúcia é uma das brasileiras que chegaram até lá por meio da Obra de Maria, que neste mês celebra a sua 10º festa de pentecostes, no que é considerado o centro espiritual do mundo. 

As peregrinações para Israel começaram há 26 anos. O primeiro grupo a sair do Recife para Jerusalém era formado por 30 pessoas, somadas a outras 54 do restante do Brasil. “Hoje esse é o destino mais procurado. Cerca de 70% das pessoas que viajam conosco vão para a Terra Santa, passando a procura pela Itália e também por Portugal. Já teve ano de levarmos 12 mil pessoas de todo o país”, conta o fundador da Obra de Maria, Gilberto Barbosa. 

As viagens duram, em média, de cinco a 10 dias, passando por lugares como a Basílica da Transfiguração (onde ocorreu o milagre em que Jesus se transfigurou em um ser luminoso), a Basílica da Anunciação (onde Maria recebeu o anúncio do Arcanjo Gabriel), a Igreja da Multiplicação (onde Jesus multiplicou os pães e peixes) e outros pontos simbólicos para o cristianismo. 

Lúcia diz que cada experiência é diferente da outra. “Quando você chega, se sente no passado, como se estivesse na mesma época em que Cristo viveu. É como se voltasse milhares de anos no tempo”, diz ela, cuja primeira viagem foi em 1997. Naquela época, inclusive, o roteiro trazia lugares hoje já retirados do percurso dos peregrinos, como a Cisjordânia (onde Jesus encontrou os excluídos, os samaritanos e hoje parte da Palestina). 
“Todo cristão, de qualquer credo que seja, deveria ir para a Terra Santa. Você precisa vivenciar o que conhece por meio da bíblia. É uma emoção muito forte”, afirma. 

Pentecoste 
Há 10 anos, as peregrinações brasileiras para Jerusalém ganharam uma motivação a mais. Todos os anos no mês de maio, é realizada uma celebração de dois dias para falantes de língua portuguesa, em comemoração ao Pentecostes. Brasileiros, portugueses e angolanos se encontram para relembrar a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Cristo e Maria. A festa acontece 50 dias depois da páscoa e neste ano será entre os dias 19 e 20. 

Desta vez, serão 600 participantes, dos quais 450 brasileiros. Pela primeira vez, o padre Marcelo Rossi será um dos celebrantes do evento. Ícone do movimento carismático católico no fim dos anos de 1990 e início dos anos 2000, responsável pela maior venda de CDs da história fonográfica brasileira, o religioso retomou no ano passado o reencontro com o grande público. Saído de um período de depressão, Marcelo Rossi voltou a participar de eventos públicos. Em Israel, ele acompanhará três grupos de peregrinos que virão de São Paulo. 

A celebração de pentecoste deste ano dos peregrinos em Jerusalém terá 65 pernambucanos. Eles participarão de uma vigília sábado, na Igreja de Todas as Nações, onde acredita-se que Jesus tenha orado antes da sua prisão. 

Haverá uma procissão de tochas de fogo pelas ruas da antiga Jerusalém e pregações de seis pessoas: Marcelo Rossi, padre Reginaldo Manzotti, a presidente da Renovação Carismática Católica do Brasil, Katia Roldi Zavaris, Patti Mansfield (uma das fundadoras da RCC), o pregador mexicano José Prado Flores e o cantor católico Martín Valverde. 

Roteiro Santo

Gailéia
Monte Tabor 
(Basílica da Transfiguração) 
Basílica franciscana, erguida em cima do Monte Tabor, no local onde ocorreu o milagre da transfiguração de Jesus. Segundo a bíblia, esse foi o momento em que, na presença de Pedro, Tiago e João, Jesus se transfigurou do corpo humano para um ser luminoso. 
Na Bíblia: Mateus 17:1-9, Marcos 9:2-8; Lucas 9:28-36 e uma epístola II Pedro 1:16-18 

Basílica da Anunciação 
Está no local onde Maria recebeu o anúncio do Arcanjo Gabriel. O primeiro santuário foi construído em meados do século IV. Já o atual, projetado pelo arquiteto Giovanni Muzio, é composto por dois níveis, sendo o maior santuário cristão no Oriente Médio. 
Na Bíblia: Lucas 1:26-38 

Cafarnaum 
(Casa de S. Pedro, ruínas da antiga Sinagoga) 
Cidade localizada à margem norte do mar da Galileia, foi considerada o ministério público de Jesus na Galileia. Foi a cidade escolhida por Jesus para sua residência estável. É  onde está a casa de São Pedro e as ruínas da  sinagoga, onde Jesus dava os seus ensinamentos. 
Na Bíblia: Mateus 9:9, Mateus 8:5-13; Lucas 7:1-10, João 6:24-71; Marcos 9:33-50 

Tabgha 
(Primado de Pedro e multiplicação dos pães) 
É onde está a Igreja da Multiplicação, dedicada ao milagre da multiplicação dos pães e peixes, no qual Jesus multiplicou o alimento em frente a 5 mil homens. Foi onde Jesus criou uma igreja e entregou-a a Pedro. 
Na Bíblia: Mateus 14:13-21, Marcos 6:31-44, Lucas 9:10-17 e João 6:5-15 

Vias Históricas
Monte das Oliveiras 
O Monte das Oliveiras é considerado importante para diversas religiões. Neste local, Jesus teria encorajado os discípulos para depois que ele fosse crucificado.  É o local da ascensão, da Igreja de Pater Noster e Basílica da Agonia. 
Na bíblia: Atos 1:12, Mateus 24, Lucas 19:41 

Igreja de Sant'Ana 
Esse templo foi construído entre 1131 e 1138, próximo aos restos da basílica bizantina e sobre o local onde outrora existiu uma gruta onde se acredita que tenha ocorrido o nascimento da Virgem Maria. 

Via-Sacra 
Rua localizada na cidade velha de Jerusalém, que começa no Portão do Leão e segue até o Santo Sepulcro. Seria o caminho que Jesus teria percorrido carregando a cruz. Na via, estão nove das 14 estações da cruz. 

Capela da flagelação e Capela da Condenação 
A Capela da Flagelação é o local onde Jesus foi flagelado pelos soldados romanos, antes de receber a coroa de espinhos. Já a Capela da Condenação é o local onde foi açoitado. 
Na bíblia: João 19:1, Marcos 14:65, e Mateus 27:26 

Santo Sepulcro 
É um templo cristão que está no Quarteirão Cristão da cidade velha de Jerusalém. Segundo a tradição bíblica, foi lá onde Jesus teria sido crucificado, sepultado e também ressuscitado ao terceiro dia. 
Na bíblia: João 19:41-42 

Basílica da Natividade 
A história cristã diz que a basílica está construída no local onde foi o estábulo no qual Maria deu à luz a Jesus Cristo, em Belém. Há quem diga também que é a basílica cristã mais antiga do mundo ainda em uso.   
Na Bíblia: Mateus 1, Lucas 2 

Gruta dos Inocentes e Gruta de S. Jerônimo 
A Gruta dos Inocentes faz referência às crianças de até dois anos que foram assassinadas a mando do Rei Herodes, quando Jesus nasceu. Já a Gruta de São Jerônimo foi onde o santo terminou  a tradução da Bíblia.  
Na bíblia: Mateus 2:16 

Monte Sião e Cenáculo 
Localizado em Jerusalém, é lá onde está localizado o túmulo de Davi e a sala da última ceia. Seria o lugar a partir de onde todas as bençãos se derramam sobre Israel. 
Na bíblia: 2 Samuel 5:7, Sl 124,1, Isaías 60:14 

Igreja da Dormição de Maria 
Igreja beneditina, com alto campanário visível a partir de vários pontos da cidade e construída no Monte Sião, que faz referência à elevação da Virgem Maria aos céus. O  templo foi inaugurado em 1910, mas o primeiro deles data do século 5, tendo sido destruído pelos persas em 614. 

Muro das Lamentações 
É considerado o lugar mais sagrado da Terra Santa para os judeus, já que é a única parte que sobrou do templo de Salomão. O local passou por várias destruições ao longo da história e, após a Guerra dos Seis Dias, passou a ter um significado maior para judeus. 
Na bíblia: I Reis 5: 3-5, 2 Samuel 7:12-13, 1 Reis 6:21 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Verão inspira cuidados com a saúde e alimentação
Resumo da semana: enfim, a vacina, posse de Biden e cerco contra os fura-filas
Rede de voluntários faz diferença em Manaus
Enem para todos com o professor Fernandinho Beltrão - Algas e fungos
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco