Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Local
SAÚDE Doutores da Alegria convidam sociedade para passeio ciclístico neste domingo Gratuito, Bobociclismo vai comemorar os 14 anos de atuação da ONG no Recife

Publicado em: 19/09/2017 22:00 Atualizado em:

Passeio é aberto ao público. Foto: Doutores da Alegria/Divulgação (Passeio é aberto ao público. Foto: Doutores da Alegria/Divulgação)
Passeio é aberto ao público. Foto: Doutores da Alegria/Divulgação
No próximo domingo, dia 24 de setembro, os palhaços da associação Doutores da Alegria realizam a quarta edição do Bobociclismo. O passeio ciclístico, que é gratuito, vai percorrer as principais pontes do Bairro do Recife com a irreverência tradicional do grupo. Este ano, a equipe comemora os 14 anos de atuação da ONG no Recife e o Dia Estadual dos Doutores da Alegria, estabelecido pela Assembleia Legislativa de Pernambuco desde 2013. A concentração para o passeio será às 8h30, no Parque da Jaqueira, na Zona Norte da cidade, em frente ao Econúcleo.

No parque, crianças e adultos participam de um "Alongamento de palhaços" antes de saírem para o roteiro de bike, às 9h30. O passeio, intitulado Circuito das Pontes, deve passar pela Ponte de Santa Isabel, Ponte Velha, Ponte de Ferro, Ponte do Limoeiro, Ponte Maurício de Nassau e Ponte Buarque de Macedo. A chegada será na Praça do Marco Zero, por volta das 11h. 

Para participar, não é preciso fazer inscrição prévia. “Pedimos que todos utilizem os equipamentos de segurança, passem protetor solar, enfeitem as bikes e venham se juntar a esses bobociclistas. É uma oportunidade de conhecer o trabalho que eles levam semanalmente para os hospitais”, afirma Nice Vasconcelos, coordenadora administrativa da Associação Doutores da Alegria. O 4º Bobociclismo possui o apoio da Prefeitura do Recife.
 
DIA ESTADUAL DO DOUTORES DA ALEGRIA
No próximo dia 28 de setembro, o Dia Estadual do Doutores da Alegria também será comemorado. Na programação, haverá um passeio de catamarã com a participação de pacientes, pais, acompanhantes e profissionais de saúde. A atividade é fechada ao público. Os convidados serão escolhidos nos próprios hospitais atendidos pelos palhaços o ano inteiro – Hospital da Restauração, Barão de Lucena, Hospital Universitário Oswaldo Cruz e Procape, e Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip). Serão cerca de 70 convidados.


Cavani Rosas e o percurso entre a ciência e o sobrenatural
In Set com Alessandra Pires
Tecnologia e inovação aplicadas à educação
Moradores cobram inauguração da Upinha Rio da Prata
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco