Diario de Pernambuco
Busca

REUNIÃO

Aras posta vídeo dizendo que está 'atento' a violência no 7 de Setembro

Publicado em: 26/07/2022 13:30 | Atualizado em: 26/07/2022 13:31

 (crédito: AFP)
crédito: AFP
O Procurador-Geral da República, Augusto Aras, divulgou, nesta terça-feira (26), um vídeo afirmando que o Ministério Público está "atento" a eventuais "distúrbios" em atos de rua no período eleitoral e no próximo dia 7 de Setembro. O material foi editado e exibe trechos de declarações do PGR durante reunião com parlamentares em 12 de julho.

Na gravação, Aras diz: "O Ministério Público Federal, o Ministério Público Militar, o Ministério Público dos Estados, o Ministério Público do Distrito Federal e o Ministério Público do Trabalho, naquilo que lhe cabe, todos nós já estamos atentos a eventuais movimentos, espontâneos ou não da sociedade civil, no que toda a possibilidade de violência."

Assim que o vídeo é iniciado, uma mensagem aparece na tela: "Procurador-geral da República, Augusto Aras informa a parlamentares de partidos da oposição de medidas preventivas do MPF contra eventuais distúrbios em 7 de setembro de 2022".

O presidente Jair Bolsonaro (PL) provocou os apoiadores para a manifestação de 7 de Setembro. Em cerimônia de oficialização da candidatura à reeleição, no último domingo, ele teceu críticas aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) se referindo aos magistrados como “surdos de capa preta” e fez o chamamento: “Convoco todos vocês agora para que todo mundo, no 7 de setembro, vá às ruas pela última vez”, disse.

Aras afirmou que vai trabalhar para evitar qualquer ato violento no feriado. “Não deixamos que o 7 de setembro tenha nenhum evento de violência. Eram movimentos espontâneos que espocavam em todo o país. Todos já estamos atentos a movimentos, espontâneos ou não, da sociedade civil que não tocam a nós a possibilidade de violência”, disse no vídeo.

O Dia da Independência do ano passado foi marcado com manifestações que tinha como pauta a destituição dos ministros da Corte, o fechamento do STF e a intervenção militar. Bolsonaro chegou a dizer, em um de seus discursos mais inflamados durante o protesto, que não obedeceria mais às ordens do Judiciário.

Vídeo antigo
 
Na semana passada, Augusto Aras quebrou o silêncio e se manifestou, pela primeira vez, sobre os ataques do presidente Jair Bolsonaro ao sistema eleitoral brasileiro. O PGR postou um vídeo antigo em seu canal do YouTube no qual defende as urnas eletrônicas.

A gravação é de uma entrevista que Aras concedeu a veículos estrangeiros. No material, o procurador-geral mostra um texto em que diz que "diante dos últimos acontecimentos do país [...] recorda a necessidade de distanciamento, independência e harmonia entre os Poderes".

Em seguida, entra um trecho da entrevista no qual Aras ressalta a "lisura" das eleições no país. "Nós não aceitamos a alegação de fraude, porque nós temos visto o sucesso da urna eletrônica, ao longo dos anos, especialmente, no que toca a lisura dos pleitos", afirmou o PGR no vídeo.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Lista de convidados da posse de Moraes no TSE repercute no meio político

18/08/2022 às 08h47

Bolsonaro participa do lançamento da candidatura de Tarcísio em SP

18/08/2022 às 08h32

'Estou mais experiente, sei o que é governar e como governar', diz Lula

18/08/2022 às 08h28

Lula sobre corrupção: 'No meu governo houve investigação e transparência'

17/08/2022 às 22h54

'Os servidores terão reajuste no ano que vem', promete Bolsonaro

17/08/2022 às 22h32

Bolsonaro promete zerar impostos sobre combustíveis também em 2023

17/08/2022 às 22h24

PF afirma que Bolsonaro incitou crime ao relacionar vacina e Aids

17/08/2022 às 22h16

Soraya Thronicke propõe substituir impostos federais por um só tributo

17/08/2022 às 21h11

Vera Lúcia quer garantia de igualdade na disputa eleitoral

17/08/2022 às 21h02

Sofia Manzano defende investimentos em instituições públicas

17/08/2022 às 20h59

Felipe D%u2019Avila defende melhora do ensino básico

17/08/2022 às 20h56

Câmara do Rio rejeita recurso de vereador contra pedido de cassação

17/08/2022 às 20h39

STF retoma julgamento sobre nova Lei de Improbidade

17/08/2022 às 20h37

Desfile de 7 de Setembro foi cancelado no Rio de Janeiro, diz prefeito

17/08/2022 às 20h32

Lula: 'Bolsonaro decidiu tentar enganar o povo às vésperas da eleição'

17/08/2022 às 19h52

Senado aprova marco regulatório para exploração de energia em alto mar

17/08/2022 às 19h50

General toma posse como ministro do Superior Tribunal Militar

17/08/2022 às 19h49

Carlos explica presença na posse de Moraes: 'Pedi para ir e meu pai deixou'

17/08/2022 às 19h39