Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

CPI

Senador rebate Nise Yamaguchi: 'Não podemos desinformar a população'

Publicado em: 01/06/2021 13:50 | Atualizado em: 01/06/2021 15:56

O senador Rogério Carvalho (PT-SE) rebateu a declaração da médica e defensora da cloroquina, Nise Yamaguchi, sobre imunidade adqurida por um vírus
 (foto: Agência Senado)
O senador Rogério Carvalho (PT-SE) rebateu a declaração da médica e defensora da cloroquina, Nise Yamaguchi, sobre imunidade adqurida por um vírus (foto: Agência Senado)
O senador Rogério Carvalho (PT-SE) corrigiu a médica oncologista e imunologista, Nise Yamaguchi, durante a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid desta terça-feira (1), dizendo que não existe imunidade para um vírus ao pegar outro vírus.
 
Questionada pelo relator da CPI, Renan Calheiros (MDB-AL), sobre sua posição quanto à imunidade de rebanho, a defensora da cloroquina, medicamento com ineficácia comprovada contra a Covid-19, disse que uma pessoa poderia adquirir defesa no sistema imunológico após contato com diferentes vírus. 
 
"Imunidade de rebanho é um fato. Ela acontece quando você tem uma grande quantidade de pessoas imunizadas, ou que tenham tido contato com o vírus, ou que tenha uma imunidade natural já previamente adquirida pelo contato com outros vírus", afirmou a imunologista.
 
O senador Rogério Carvalho, que também é médico, interrompeu neste momento a fala de Nise para rebater a declaração acerca de imunização produzida por um vírus. "Uma questão importante de checagem, Dra. Nise. Um vírus não produz imunidade. Ser acometido por um vírus não necessariamente [te faz criar imunidade]", disse.

O corte do petista gerou discussão entre os parlamentares presentes na CPI. Rogério criticou a médica em como suas declarações podem impactar negativamente a população brasileira com informações que não são comprovadas cientificamente. 

"Sou médico como ela é médica. E nós não podemos nos ‘escudar’ por uma profissão milenar para desinformar a população, sob nenhuma hipótese. Isso é contra os princípios fundamentais que nos fazem ser médicos: a defesa da vida. Não existe imunidade com um vírus quando você é contaminado com outro vírus”

Após as declarações, o senador Marcos Rogério (DEM-RO) criticou a interrupção do parlamentar. "Aqui dentro parece que tem pais da ciência. Arautos da verdade. Vamos ouvir a depoente”, disse.
TAGS: senador | rebate | nise |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Túlio Gadêlha, Beatriz Paulinelli e Guilherme Maia
Advogado de enfermeira afirma que Maradona foi morto
Manhã na Clube: entrevistas com Décio Padilha, Adriana Barros e Roseana Diniz
Para evitar contaminação por Covid, robôs oferecem água benta em Meca
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco