Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

CPI

Queiroga sobre plano de vacinação em 2022: 'Não temos estratégia clara'

Publicado em: 08/06/2021 16:26

 (foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
)
foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou durante depoimento à Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI) da Covid, realizado nesta terça-feira (8), que o Brasil não tem doses suficientes para vacinar 2 milhões de pessoas por dia.
 
Queiroga foi questionado sobre o calendário de vacinação, que está atrasado no Brasil. A pergunta foi feita pelo vice-presidente da CPI, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

Em resposta, o ministro confirmou acordo com Moderna para aquisição de 100 milhões de doses em 2022 e afirmou que a produção da Fiocruz vai acelerar, mas admitiu ao senador ainda não ter "estratégia tão clara" para vacinação no ano que vem.

Segundo o ministro, até dezembro, o Brasil deve atingir a meta de 160 milhões de brasileiros vacinados.

Em seguida, Randolfe perguntou sobre a média de vacinação diária. Para alcançar a meta, precisaria ampliar a meta da imunização e Queiroga disse que “esse é o objetivo”.

O senador então falou sobre o  Acre e Amapá serem estados com menor índice de vacinação, e questionou o ministro se isso seria uma questão local. 

Queiroga então disse que a campanha está mais lenta, que o assunto tem sido tratado. “Não tenho dúvidas de que vamos vacinar a população brasileira”, diz o ministro.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Protesto em Brasília acaba com conflito entre indígenas e policiais
Manhã na Clube: entrevistas com Carlos Veras, Sérvio Fidney e Marcel Costi
Vacina contra a Covid-19 criada em Cuba tem eficácia de 92%
Pontos fundamentais para fazer uma transição de carreira
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco