Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

CPI

Mandetta entregou carta pedindo a Bolsonaro para rever posição sobre a Covid

Publicado em: 04/05/2021 15:32

de ministro, quando percebeu que deveria alertar o presidente sobre a gravidade da situação (foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)
de ministro, quando percebeu que deveria alertar o presidente sobre a gravidade da situação (foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)
O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em depoimento na CPI da Covid nesta terça-feira (4), disse que entregou uma carta para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), ainda em 2020, sobre os riscos da pandemia de Covid-19. 
 
Segundo o médico, em depoimento aos senadores na CPI da Pandemia, ele entregou a carta quando ainda era ministro, percebendo que deveria alertar Bolsonaro sobre a gravidade da situação.

"Em que pese todo o esforço empreendido por esta pasta para a proteção da saúde da população e preservação de vidas no contexto da resposta à pandemia da Covid-19, as orientações e recomendações não receberam apoio deste governo federal".

O ex-ministro ainda pediu uma mudança de atitude. "Recomendamos, expressamente, que a Presidência da República reveja o posicionamento adotado, acompanhando as recomendações do Ministério da Saúde, uma vez que a adoção de medidas em sentido contrário poderá gerar colapso do sistema de saúde e gravíssimas consequências à saúde da população", escreveu.
TAGS: bolsonaro | carta | mandetta |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
De 1 a 5: dicas para destravar sua criatividade e ampliar a percepção
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 10/05
Gil do Vigor é recebido com festa da população e honraria em Paulista
Imunização para gestantes começa a ser liberada, mas ainda gera dúvidas
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco