Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

INVESTIGAÇÃO

Senadores governistas entram com ação no STF contra Renan Calheiros na CPI

Publicado em: 28/04/2021 11:27

 (Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado)
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
Três senadores da base do governo ingressaram com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) solicitando que o senador Renan Calheiros seja afastado da relatoria da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19. A ação foi protocolada nesta quarta-feira (28/4).

A peça é assinada pelos senadores Jorginho Mello, Eduardo Girão e Marcos Rogério. Eles alegam que Calheiros não pode ficar na relatoria por conta do filho, que é governador de Alagoas, e pode ser um dos alvos da investigação. Os parlamentares alegam que o relator não "será imparcial".

O governo e seus apoiadores tentam todas as frentes para impedir o avanço da CPI. Interlocutores do Planalto pressionam parlamentares e criam estratégias para minar as investigações e jogar o foco do grupo para cima dos governadores e prefeitos.

As primeiras testemunhas a serem convocadas são os ex-ministros da Saúde Eduardo Pazuello, Nelson Teich, Henrique Mandetta, e o atual titular da pasta, Marcelo Queiroga. O próximo passo do Executivo é oferecer benefícios aos senadores para tentar amenizar os ânimos.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
De 1 a 5: dicas para destravar sua criatividade e ampliar a percepção
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 10/05
Gil do Vigor é recebido com festa da população e honraria em Paulista
Imunização para gestantes começa a ser liberada, mas ainda gera dúvidas
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco