Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

'Os próximos anos serão de luta, mas além de luta, serão de escutas', destaca o vereador Vinícius Castello (PT)

Publicado em: 09/02/2021 18:10 | Atualizado em: 09/02/2021 19:16

 (Foto: Instagram/Reprodução)
Foto: Instagram/Reprodução

A Câmara dos Vereadores de Olinda deu início, nesta terça-feira (9), aos trabalhos do legislativo olindense. De maneira presencial, os parlamentares se reuniram, em Sessão Ordinária, para definir metas e apresentar pontos de vista. Entre os presentes, o prefeito Professor Lupércio (Solidariedade) e o vice Márcio Botelho (SD). 

Durante a sessão, o Professor Lupércio (SD) reconheceu a importância do papel do vereador, que, segundo ele, é o primeiro a ter contato com as demandas da população. "A gente sabe que o vereador é o político mais próximo do povo, o vereador sente a dor", enfatizou. "O que for bom para a nossa população, vamos defender", afirmou Saulo Holanda (Solidariedade), presidente da Câmara dos vereadores da cidade.

Presente na sessão, um dos principais destaques na câmara olindense é o vereador Vinícius Castello (PT). Ele é o primeiro jovem preto, assumidamente LGBTI+ a ocupar um cargo legislativo na Marim dos Caetés. Durante o seu discurso, Vinícius (PT) destacou a importância de corpos diferentes ocuparem espaços e salientou que os próximos anos serão para além da luta. Como ele mesmo definiu, serão de escutas. 

"É através da diversidade que as modificações dos espaços, dos corpos e da sociedade ocorrerá. É através da diversidade que a gente vai conseguir contemplar a sociedade. Porque a sociedade, por si só, é diversa", afirmou o petista. "Os próximos anos serão de luta, mas, além da luta, serão de escutas", complementou o jovem parlamentar.  

O advogado e ativista de cidadania e direitos humanos iniciou a sua vida política aos 16 anos. Mas, somente aos 26, chegou para ocupar o cargo de vereador no município de Olinda. Ele vem fazendo história desde quando montou o seu gabinete que possui equidade de gênero, raça e classe social. 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Com 93% de taxa de ocupação de UTIs, Pernambuco decreta mais restrições
De 1 a 5: saiba qual é seu perfil profissional e como tirar o máximo proveito dele
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 01/03
Doença da urina preta: síndrome rara pode levar à UTI
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco