Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

Eleições

Neste domingo (18), Mendonça Filho (DEM) fez críticas às gestões do PSB

Publicado em: 18/10/2020 18:15 | Atualizado em: 18/10/2020 18:18

 (Foto: Guga Matos/Divulgação)
Foto: Guga Matos/Divulgação

 

Neste domingo (18), o candidato a prefeito do Recife, Mendonça Filho (DEM) criticou as gestões do PSB e de Geraldo Júlio, segundo o candidato, há presença de abandono, negligência e omissão no combate às drogas na capital pernambucana. “Grande parte dos jovens do Recife, principalmente nas comunidades mais pobres, está sendo dizimada pelas drogas, pelo vício, que destroem as famílias e causam um sofrimento para o resto da vida. As gestões do PSB foram omissas e negligentes com esta grave questão, não enfrentando o problema e permitindo o seu agravamento”, afirmou.


Na manhã deste domingo, Mendonça reforçou, acompanhado da candidata a vice-prefeita, que caso eleito, irá implementar o programa Conte Comigo - cujo objetivo é fortalecer o trabalho de combate às drogas junto a igrejas, associações e órgãos que atuam na prevenção e recuperação de usuários.

O democrata disse, ainda, que será através do lazer, cultura esportes e qualificação profissional que apoiará os usuários para que larguem a dependência química. Outra iniciativa inserida no projeto Conte Comigo, será a criação da Casa da Família - Centro de Acolhimento para as mães que sofrem com esta dificuldade.

“Nosso compromisso, meu e de Priscila, também é com as mães desamparadas, que lutam sozinhas para libertarem seus filhos das drogas”, pontuou. Mendonça também cobrou a gestão de Geraldo Júlio, que, segundo ele, “nada fez sobre o assunto”. 

O democrata também lembrou que, além das periferias, bairros históricos do Recife se tornaram territórios de dependentes químicos, gerando violência e causando resultados negativos ao turismo. “Locais como o Recife Antigo estão concentrando um grande número de usuários, que muitas vezes usam da violência com os frequentadores e turistas, afastando-os do centro histórico e causando perdas de receitas com o turismo. Nós vamos acabar com essa triste realidade”, concluiu Mendonça.

 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Dra. Rebecca Spinelli
Rhaldney Santos entrevista Thiago Santos (UP)
Aprenda a treinar a mente com exercícios que previnem doenças e turbinam os neurônios
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #Protocordados
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco