Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

RESPOSTA

Celso de Mello pergunta a ministros do STF se querem 'adotar medidas' contra Weintraub

Publicado em: 22/05/2020 19:17 | Atualizado em: 22/05/2020 19:25

Weintraub aparece atacando o Supremo em vídeo da reunião ministerial do dia 22 de abril  (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Weintraub aparece atacando o Supremo em vídeo da reunião ministerial do dia 22 de abril (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), mandou oficiar cada um dos demais ministros da Corte para que se manifestem sobre uma possível resposta ao ministro da Educação, Abraham Weintraub. O decano afirmou ter constatado "a ocorrência de aparente prática criminosa, que teria sido cometida por Weintraub na reunião ministerial do dia 22 de abril.

Nesta sexta-feira (22), o ministro autorizou a divulgação, na íntegra, do vídeo da reunião, considerada peça-chave no inquérito que investiga suposta interferência política do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal. Nas imagens, Weintraub aparece atacando instituições democráticas, em especial o Supremo. "Eu, por mim, botava esses vagabundos todos na cadeia. Começando no STF", afirmou o ministro na reunião. 

Relator do inquérito no Supremo, Celso de Mello classificou as falas de Weintraub como "gravíssima aleivosia". Para o ministro, tais declarações  "põe em evidência, além do seu destacado grau de incivilidade e de inaceitável grosseria, que tal afirmação configuraria possível delito contra a honra (como o crime de injúria)".
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Irmão de George Floyd pede à população: votem!
Polícia Federal apreende drogas enviadas por encomenda
02/06: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
01/06: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco