Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

Eleições 2020

Após deixar liderança do PT no Senado, Humberto Costa se dedica às eleições municipais

Publicado em: 12/03/2020 14:18 | Atualizado em: 12/03/2020 20:24

 (Divulgação)
Divulgação

O senador Humberto Costa (PT), abriu mão do cargo de liderança no senado federal para se dedicar as articulações políticas para as eleições municipais em Pernambuco. 

De acordo com o petista, o PT tem participação em poucas gestões municipais em Pernambuco e o desafio é fortalecer a legenda nestas eleições visando pleitos futuros. "O PT tem um número reduzido de prefeituras hoje em nosso estado. A nossa expectativa, o nosso desejo e trabalho será para exatamente ampliarmos esse número, para nós termos mais vereadores. E nós conseguirmos nos fortalecer para disputas futuras também", disse.

No que diz respeito as eleições no Recife, o partido segue dividido. Um Grupo de Trabalho Eleitoral (GTE), foi instalado e segue debatendo as táticas apresentadas pelos petistas. Os resultados devem ser apresentados e votados em congresso no dia 29 de março, as principais teses são as da candidatua própria, que teria como prefeiturável a deputada Marília Arraes, ou a manutenção da aliança com o PSB.

Ao comentar sua saída do posto de líder do PT no Senado Federal, Humberto destacou a maior liberdade que terá para se dedicar as

questões que envolvem Pernambuco. "Eu agora estou saindo da liderança do partido aqui no Senado, o senador Rogério Carvalho, de Sergipe, já assumiu a liderança. Isso vai me dar uma liberdade muito maior, não somente para tratar de alguns temas que eu não tinha o tempo suficiente para fazê-lo, como especialmente, tratar de Pernambuco", disse.

"Essa minha saída da liderança vai me dar as condições de fato, contribuir com o processo de organização, de estruturação do partido, de preparação do partido para a disputa da eleição agora em 2020. Com toda certeza, vai facilitar bastante a minha vida em relação a contribuir com o processo de crescimento do PT", ponderou o senador, destacando que a tendência do partido será estar com candidaturas que tenham o perfil mais próximo da legenda, em especial, projeto ligados a Frente Popular de Pernambuco.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Última Volta: GP da Grã Bretanha de F1 2022
Toalhas de Lula e Bolsonaro movimentam o comércio e dão o tom das eleições
Desemprego cai a 9,8% entre março e maio no Brasil
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado federal Daniel Coelho e com a Dra. Magda Maruza
Grupo Diario de Pernambuco