Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

Decisão

Rosa Weber recusa pedido de investigação do PT contra Deltan Dallagnol

Publicado em: 08/10/2019 19:54

Foto: Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil (Foto: Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil)
Foto: Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil (Foto: Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil)
A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), recusou um pedido de parlamentares do Partido dos Trabalhadores (PT) para investigação contra Deltan Dalagnoll, procurador-chefe da Operação Lava-Jato, e Thaméa Danelon, ex-procuradora-chefe em São Paulo. Com base em publicações do site The Intercept, os parlamentares acusavam ambos de prática de crimes de prevaricação (contra a administração pública) e advocacia administrativa, por terem, segundo a petição, participado de uma articulação para “pedido de impeachment” do ministro Gilmar Mendes, do STF. Rosa Weber alegou que o caso não compete ao Judiciário e sim ao Ministério Público.

Por isso, a ministra encaminhou a petição à Procuradoria-Geral da República (PGR). “Sob qualquer perspectiva, mostra-se desnecessária a intervenção do Poder Judiciário, especialmente desta Corte Constitucional, na intermediação de comunicação de notitia criminis aos órgãos responsáveis por sua eventual apuração”, afirmou a ministra. Ela explicou, ainda, que a petição não chegou ao STF acompanhada de nenhum documento e que tanto Deltan Dalagnoll quanto Thaméa Danelon não têm foro de prerrogativa perante a Suprema Corte.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
A pandemia em Pernambuco  destaques de 01/06
Jogos Inesquecíveis: Um mundão para chamar de meu
De 1 a 5: Alterações do olfato, perda auditiva e Covid-19
01/06: Manhã na Clube com Rhaldney Santos
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco