Alepe nos Municípios No Cabo, palestras e game esclarecem o que faz um deputado estadual

Por: Diogo Cavalcante

Publicado em: 10/09/2019 16:23 Atualizado em: 10/09/2019 16:42

Alepe nos Municípios esteve no Cabo nessa segunda-feira (9) - Leandro de Santana/Esp. DP
Alepe nos Municípios esteve no Cabo nessa segunda-feira (9) - Leandro de Santana/Esp. DP

O Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife, recebeu o Alepe nos Municípios nessa segunda-feira (9). Realizado pela Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), o projeto visa aproximar a instituição do público. Mais de 300 alunos da rede pública de ensino foram até o ginásio da Escola Técnica Estadual Epitácio Pessoa para conhecer mais sobre o funcionamento e quais são as atribuições da casa plenária.

A meta do programa é visitar as 184 cidades pernambucanas até o fim de 2020. “O roteiro é definido de acordo com o funcionamento da Assembleia, já que temos outras atividades. Em dias muito intensos, procuramos vir a cidades mais próximas. Hoje, por exemplo, tem a Ordem do Dia. Vamos voltar à Alepe depois daqui”, disse o presidente da casa, o deputado estadual Eriberto Medeiros (PP).

Os trabalhos começaram em agosto. Além de explicar o funcionamento do plenário, a Ouvidoria da Alepe também se faz presente. Durante a ação, o público recebe uma ficha, em que pode preencher com sugestões de projetos de lei, denúncias e críticas, por exemplo. “Esse é o objetivo. Estar próximo da população, que saibam dos meios de acesso à A ssembleia”, acrescentou Eriberto.

O Alepe nos Municípios inicia com dois pontos: a apresentação de vídeos institucionais e palestras, ambas se intercalam, revelando ao público história, detalhes, curiosidades, deveres e obrigações da instituição. Ao final da explanação, é realizado um quiz com os alunos das escolas.

Dhon ganhou quiz da Alepe - Leandro de Santana/Esp. DP
Dhon ganhou quiz da Alepe - Leandro de Santana/Esp. DP
O estudante Dhon Wallyson da Silva, de 17 anos, ganhou a disputa e recebeu um tablet de presente. “Foi um aprendizado que vou levar para a vida. Aprendi que a sociedade tem voz, pode e deve participar da política em si”, afirmou. Ele não esperava vencer o quiz. “Eu não sabia exatamente o que fazia um deputado estadual. Hoje aprendi os detalhes”, completou. 

Esse ponto citado por Dhon ainda é um questionamento frequente da população, como salienta a deputada estadual Fabíola Cabral (PP), uma das parlamentares presentes. “Estava conversando com alguns jovens aqui e muitos não sabem o que faz um deputado estadual. Não sabem nossas atribuições e limitações. Então, uma iniciativa dessas, de poder aproximar o Poder Legislativo da população, é muito bem-vinda”, elogiou.

Quem também acompanhou o programa foi o deputado estadual Joel da Harpa (PP). “Acho que esse trabalho fortalece a discussão com a sociedade, que tem demonstrado que quer participar mais do debate político, discutindo saúde, educação, projetos de lei”, disse.

Por sinal, Dhon, que ganhou o quiz do Alepe nos Municípios, deixa um recado para os 49 deputados estaduais com mandato vigente: “Peço que invistam mais em educação. Sem isso, nem Pernambuco nem o Brasil vão adiante”.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.