Pernambuco.com
Pernambuco.com
Sangue Amigo Novo aplicativo ajuda a encontrar doadores de sangue para cães Serviço também permite os cadastrados solicitarem sangue e acompanhar as doações

Por: Juliana Freire

Publicado em: 24/07/2015 15:40 Atualizado em: 24/07/2015 17:48

Sangue Amigo, o aplicativo que transforma seu cãozinho em um doador. Foto: Divulgação/ Facebook
Sangue Amigo, o aplicativo que transforma seu cãozinho em um doador. Foto: Divulgação/ Facebook

A tecnologia também pode ser usada para incentivar causas nobres. Uma prova disso foi o lançamento do aplicativo Sangue Amigo, na última quinta- feira (23), permitindo que o tutor cadastre o cão em um banco de doação de sangue ou solicite um doador para o seu pet, caso necessário.

O programa foi criado para atender uma demanda dos grupos de animais abandonados. "Muitas ONGs precisam de bolsas de sangue para recuperar os bichinhos resgatados. No entanto, as clínicas veterinárias que oferecem esse serviço vendem as bolsas por R$ 600, um valor inviável a demanda de uma instituição. Além disso, não queremos incentivar esse comércio", afirmou o assessoria de comunicação do aplicativo.

A dinâmica do software é semelhante ao dos programas de paquera. Após criar um perfil, o tutor entra em contato com um possível doador no ícone "Posso ajudar". Se o outro usuário aceitar um pedido, uma aba de conversa é aberta. É importante destacar que apenas cães com idades entre 1 e 8 anos e pesando mais de 25 kg podem se cadastrar como doadores.

A iniciativa foi divulgada na página do aplicativo no Facebook e já recebeu críticas dos internautas porque o serviço não se estende aos gatos. Sobre isso, a assessoria de comunicação do aplicativo afirmou que o projeto irá se expandir futuramente. "Precisávamos começar por algum animal e o escolhido foi o cão, já que ele necessita de doação de sangue com mais frequência que os outros animais."

Passo a passo sobre o aplicativo é explicado no site. Foto: Divulgação/ www.projetosangueamigo.com.br
Passo a passo sobre o aplicativo é explicado no site. Foto: Divulgação/ www.projetosangueamigo.com.br
O aplicativo Sague Amigo, disponível nas versões IOS e Android, é um projeto em parceria dos grupos de proteção aos animais pernambucanos Pet Social, Nada em troca e Refúgio Jow Jow. "A ideia do projeto é ter ainda mais ONGs parceiras. No entanto, vamos fechar com outras organizações internacionais e liberaremos a versão em inglês e espanhol do projeto nas próximas semanas", revelou a assessoria.

 



Atividades não essenciais proibidas em Pernambuco todo das 22h às 5h
Unicap inova em plena pandemia e transforma centros acadêmicos em escolas
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 26/02
Ovelha perde 35kg de lã após cinco anos sem tosa na Austrália
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco