Diario de Pernambuco
Busca

GUERRA

Biden pressiona primeiro-ministro israelense para um cessar-fogo em Gaza

Na Casa Branca, o presidente norte-americano explicou que disse a Netanyahu que só assim será possível retirar os reféns que ainda estão retidos

Publicado em: 16/02/2024 17:05

Joe Biden, presidente dos Estados Unidos (Foto: MANDEL NGAN / AFP)
Joe Biden, presidente dos Estados Unidos (Foto: MANDEL NGAN / AFP)
O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou que conversou hoje com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, com quem insistiu na necessidade de um cessar-fogo temporário na Faixa de Gaza.
 
Na Casa Branca, Biden explicou que disse a Netanyahu que só assim será possível retirar os reféns que ainda estão retidos. “É necessário um cessar-fogo para retirar os reféns da Faixa de Gaza, o que está em curso”, enfatizou Biden a Netanyahu.
 
O líder norte-americano declarou que não acredita que Israel lance uma operação em Rafah enquanto decorrerem as negociações para a libertação de reféns. “Ainda estou esperançoso que possa acontecer”, disse Biden, acrescentando ainda que também tem esperança de que Israel não faça uma invasão terrestre maciça à Rafah. “A minha expectativa é de que não vai acontecer”, reiterou.
 
Por outro lado, o ministro da Defesa israelita, Yoav Gallant, afirmou que o exército está planejando exaustivamente o ataque a Rafah, a cidade no sul da Faixa de Gaza junto à fronteira com o Egito, onde mais de metade da população da região está ‘refugiada’.  Netanyahu também já prometeu recentemente que planeja uma "operação poderosa” em Rafah.
 
As Nações Unidas e a comunidade internacional já alertaram Israel contra a realização deste ataque, que pode "se tornar um pesadelo catastrófico humanitário”, uma vez que os refugiados não têm para onde fugir.
 
O subsecretário-geral das Nações Unidas para Assuntos Humanitários, Martin Griffiths, disse que a ideia de uma evacuação para um lugar seguro em Gaza é uma “ilusão”. Griffiths ainda declarou que a possibilidade de alastramento do conflito ao Egito “esta mesmo diante dos nossos olhos em Rafah”
Tags: guerra | gaza | israel | biden |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.