Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

DIPLOMACIA

UE propõe novo pacote de ajuda à Ucrânia de até 9 bilhões de euros

Por: AFP

Publicado em: 18/05/2022 09:54 | Atualizado em: 18/05/2022 10:10

 (Foto: JOHN THYS / AFP)
Foto: JOHN THYS / AFP
A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, apresentou a proposta de um novo pacote de ajuda financeira de até 9 bilhões de euros (9,5 bilhões de dólares) para a Ucrânia este ano.

Ela não revelou detalhes do novo pacote de ajuda, mas uma fonte da Comissão destacou que seria um empréstimo.

"Precisamos pensar no dia seguinte, para os esforços de reconstrução" da Ucrânia, acrescentou Von der Leyen.

A União Europeia (UE), afirmou, tem um "interesse estratégico em liderar" os esforços de reconstrução da Ucrânia.

A Ucrânia "defende os valores europeus. Permaneceremos a seu lado durante esta guerra e quando reconstruírem seu país", disse a alemã em um discurso.

Ela destacou, no entanto, que o plano de reconstrução não será apoiado apenas pela UE.

"Propomos uma plataforma de reconstrução (...) liderada conjuntamente por Ucrânia e Comissão (Europeia), além de unir os Estados membros da UE, outros doadores bilaterais ou internacionais, instituições financeiras internacionais e outros sócios", disse.

Os recursos para a reconstrução seriam destinados a partir de condições com as quais a Ucrânia teria que comprometer-se, especialmente se aspira um dia integrar a UE.

Os investimentos, disse Von der Leyen, "ajudarão a Ucrânia a surgir mais forte da devastação" provocada pelo conflito.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Nova presidente da Caixa toma posse e anuncia primeiras medidas
Manhã na Clube: entrevista com o ex-ministro e pré-candidato ao senado, Gilson Machado
Suspeito de ataque a tiros com seis mortos é detido nos EUA
Manhã na Clube: entrevistas com o pastor Wellington Carneiro e Alexandre Castelano
Grupo Diario de Pernambuco