Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

PRISÃO

Opositor russo Alexei Navalny anuncia greve de fome

Por: AFP

Publicado em: 31/03/2021 14:36

Segundo ele, o motivo da greve é a falta de acesso aos cuidados médicos, além de afirmar que está sendo torturado por meio da privação de sono (MLADEN ANTONOV/AFP)
Segundo ele, o motivo da greve é a falta de acesso aos cuidados médicos, além de afirmar que está sendo torturado por meio da privação de sono (MLADEN ANTONOV/AFP)
O opositor russo Alexei Navalny, preso em uma colônia penitenciária, anunciou nesta quarta-feira (31) que iniciou uma greve de fome para denunciar a falta de acesso aos cuidados médicos e que está sendo "torurado por meio da privação do sono".
 
"Declaro uma greve de fome para pedir a aplicação da lei e para que um médico venha me ver", escreveu Navalny em sua conta do Instagram, afirmando sofrer de dores nas costas e nas pernas.

"O que mais posso fazer? Tenho o direito de ser visitado por um médico e receber medicamentos", acrescentou. Este crítico ferrenho ao Kremlin afirmou na semana passada que sua saúde está piorando.

Vítima de um envenenamento com um agente neurotóxico em agosto do ano passado, ele culpa o Kremlim, que nega qualquer envolvimento no caso.
 
Ativista anti-corrupção e crítico do presidente Vladimir Putin, Navalny foi preso em janeiro assim que voltou da Alemanha - onde se recuperava - para a Rússia.
 
Em fevereiro, foi condenado a dois anos e meio de prisão por um caso de fraude de 2014, o qual ele mesmo, as ONGs e a muitos países ocidentais consideram político. A administração penitenciária afirma que o opositor se encontra em um estado "satisfatório".

Nesta quarta-feira, Navalny afirmou que agora também sente dor na perna esquerda. "Já não sinto partes da minha perna direita e agora também da perna esquerda", escreveu.

Ele também reiterou que é vítima de "tortura" por privação do sono, alegando que é acordado "oito vezes por noite" durante os controles de seus carcereiros.
TAGS: navalny | alexei | fome | de | greve |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Posse e compra de armas de fogo geram polêmica entre autoridades e população
Liberdade de imprensa piora no Brasil de Bolsonaro
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 20/04
Metade da população adulta nos EUA já tomou ao menos uma dose de vacina contra Covid
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco