Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

TESTES CLÍNICOS

AstraZeneca diz que entregará mais dados de sua vacina à agência americana

Por: AFP

Publicado em: 23/03/2021 10:04

 (foto: AFP / MIGUEL RIOPA)
foto: AFP / MIGUEL RIOPA
O laboratório anglo-sueco AstraZeneca anunciou nesta terça-feira (23/03) que publicará "em 48 horas" mais dados sobre os testes clínicos nos Estados Unidos de sua vacina contra a COVID-19, depois que uma agência de saúde americana considerou "potencialmente desatualizadas" as informações divulgadas inicialmente.

A empresa farmacêutica afirma em um comunicado que utilizou dados anteriores a 17 de fevereiro para os resultados publicados na segunda-feira dos testes clínicos nos Estados Unidos.

Também indicou que deseja entrar em contato "imediatamente" com as autoridades de saúde americanas para entregar em 48 horas uma "análise com os dados de eficácia mais atualizados possíveis".

Na segunda-feira (22/03), o Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosa (NIAID), que supervisiona os testes clínicos de vacinas nos Estados Unidos, expressou "preocupação" com fato de que o laboratório teria "utilizado informações obsoletas", o que poderia resultar em "estimativas incompletas da eficácia" da vacina.

No mesmo dia, a AstraZeneca voltou a defender sua vacina, objeto de várias controvérsias nos países europeus, afirmando que tem eficácia de 80% contra a COVID-19 nos idosos e que não aumenta o risco de trombose.

A vacina tem eficácia de 79% para prevenir a COVID-19 sintomática na população em geral e de 100% para evitar as formas graves da doença e a hospitalização, acrescentou o laboratório.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 19/04
A Justiça está realmente cuidando das crianças no centro de disputas familiares?
Resumo da semana: STF mantém anulações de sentenças contra Lula, mais jovens em UTIs e CPI da Covid
Cacique Raoni pede ao presidente dos EUA que ignore Jair Bolsonaro
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco